11 junho 2009

Briga de militares deixa um morto em uma das residências oficiais de Lula



Soldado matou com tiro um cabo da guarda presidencial. Crime foi na Granja do Torto, usada para lazer pelo presidente e a família. Um cabo da Guarda Presidencial da República foi morto na manhã desta quarta-feira (10) na Granja do Torto, uma das residências oficiais da Presidência, que fica a cerca de 15 km do Palácio da Alvorada, residência oficial ocupada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo o General Gonçalves Dias, chefe da segurança da Presidência da República, o cabo e o soldado teriam se desentendido durante o expediente. Durante a briga, na parte interna da Granja do Torto, o soldado atirou contra seu superior. O cabo ferido ainda foi socorrido e levado ao Hospital das Forças Armadas (HFA) em Brasília, mas chegou morto. O soldado que matou o cabo está detido. A Presidência não informou os nomes dos dois militares. O general disse que foi aberto um inquérito para apurar as circunstâncias do crime. O Torto é usado pelo presidente Lula como uma espécie de "casa de campo", para lazer dele e da família.

Fonte: AVOL - Antonio Viana On-Line

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.