29 junho 2009

As mulheres, a Arte e as Vaidades...



Acima: Quadro de Pablo Picasso

Acima: Quadro de Anita Malfati


Acima: Foto de Dihelson Mendonça

"A Arte não está interessada nas convenções de beleza meramente humanas. É o único produto do homem que tem o fim em si próprio. Acho completamente errado o conceito de tratar fotos com photoshop e outros artifícios para deixar as pessoas mais "perfeitas" do que elas são. A arte deve retratar a realidade nua e crua. Sem denegrir nem exaltar. É apenas retratar, segundo os parâmetros daquele que observa o mundo e suas diversas formas de olhar. "

Dihelson Mendonça

2 comentários:

  1. NOTA DO ZOOMCARIRI

    O Zoomcariri traz o seguinte posicionamento: Um trabalho que seja apresentado com conotação artística, não deve ser subjugado por “Conceitos Estéticos da Vaidade“. Um ensaio artístico tem como dimensão maior, o Plástico e não a plástica!
    Assiste-lhes o direito de pessoas retratadas, por conveniências pessoais, solicitar a não veiculação de sua imagem. Este é um direito assegurado e não se discuti.

    Mas, é discutível o direito de um artista expressar-se pelo prisma de seu dom artístico, quando este não está munido das intenções de denegrir imagens do elemento humano e sim apresentar um conceito autoral como visão de mundo, de arte, dentro de um contexto social.

    O ZOOMCARIRI está plenamente solidário com o respeitável e inquestionável fotógrafo: Dihelson Mendonça, em nome da FOTOGRAFIA, enquanto arte! E, da liberdade de expressão!

    Parabéns pelo ensaio com toda minha admiração!

    Pachelly Jamacaru

    ResponderExcluir
  2. Pachelly,

    Esse posicionamento não representa apenas a do homem Pachelly, mas da própria ARTE DA FOTOGRAFIA. Fico muito contente com a compreensão de que a grande arte não deve se submeter aos caprichos da vaidade, principalmente quando não há intenção de denegrir a imagem de quem quer que seja.

    Por isso, comungamos da mesma taça.

    Um grande abraço, e da minha parte dou por encerrado esse triste episódio. Já encontrei uma outra mulher que se vangloria das rugas e cicatrizes. Com esta, farei um grande ensaio, melhor ainda que este que foi perdido.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir