xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 09/12/2008 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Em breve, estaremos de volta com as novas transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, alguns programas ao vivo ). O modelo será mais ou menos como no vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos em que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

09 dezembro 2008

Encontro de cearenses - Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes



Encontro de Cearenses

Garanhuns, município do agreste pernambucano, faz jus ao nome de cidade das flores. Clima serrano, bem arborizada, belíssimos jardins, muitos deles começando do lado de fora das casas. Proprietários fazem os jardins começarem do lado de fora do muro, como se fizessem parte das calçadas e não das residências. Não por acaso, um dos seus pontos turísticos é o relógio das flores na praça de entrada. Em termos físicos, não tem muito a ver com o Crato mas é do mesmo porte. O número de habitantes é igual, a renda per cápita de seus moradores no mesmo patamar da do Crato, o IDH praticamente no mesmo nível, a mesma quantidade de veículos e, tal qual a Princesa do Cariri, também sede de diocese, bons colégios (inclusive um Diocesano) e vários cursos superiores. Em dois outros aspectos as duas cidades empatam: a simpatia/hospitalidade dos seus moradores e o amor pela terra. A afinidade não pára por ai. Eles não tem uma exposição como a nossa mas possuem um festival de inverno onde rola a mesma energia da ExpoCrato. Acontece no mês de julho e muitos nativos “não residentes” retornam à terra para rever parentes e amigos.
Para visitar minha filha e neta, que moram lá, vou quinzenalmente à Garanhuns. No último final de semana soube que estava acontecendo o II encontro do Ceará, reunindo os cearenses residentes na cidade pernambucana. Não resisti ao forte apelo e fui até o local, em um dos clubes da cidade. Para minha surpresa, encontrei mais de 150 pessoas, uma banda de forró pé de serra, cachaça de cabeça e ipioca, rapadura, paçoca, folhetos de cordel, redes, estátuas de Pe. Cícero e de Frei Damião, piqui e um delicioso licor feito dele. Procurei cratenses e dei de cara com Dr. Alberto Madeira, ex-locutor da Rádio Araripe, filho do Prof. Álvaro Madeira e irmão das inesquecíveis professoras Lúcia e Almeirinda Madeira. Através de Alberto, conheci Augusto Siebra, filho de Seu Antônio Siebra e Esposa, ambos do Crato. Soube de outros cratenses que fixaram residência na terra de Dominguinhos, como Dr. Leórgene e D. Socorro (ele neto de Seu Lauro Maia) e a Médica Socorro Sampaio, filha de “Seu” Otacílio Sampaio, mas não estavam no encontro.
P.S
Joaquim Pinheiro é mais um dos nossos que chega.
Com imenso prazer dou-lhe um abraço de boas vindas , em nome dos tantos amigos e cratenses de todos os tempos , que fazem esse Blog.

Turma do Colégio Diocesano do Crato - 1967

Vejam se vocês se encontram nessa foto.
Presentinho para quem estêve lá...

Clique na foto para Ampliar !


"Pescada" do Blog de Farias Brito.

A Ditadura Militar do Brasil comentada por quem viu de muito perto !

.


Olá, gente,

O Elmano Rodrigues Pinheiro, nosso colega de Blog, escreveu esse depoimento como comentário, mas foi um relato tão surpreendente e pessoal, que resolvi colocá-lo em forma de artigo a fim de que mais pessoas possam saber do horror que foram aqueles anos todos e negros da história recente do Brasil:

"Tem muita gente que se acha o dono da verdade, sem no entanto ter participado e convivido com os fatos.Nunca sentou o rabo no calabouço, nem foi testemunha ocular dos fatos, vendo de perto as barbaridades cometidas, contra civis, e até contra militares que não comungavam com os verdadeiros propósitos de uma legião de assassinos, que só almejavam o seu próprio bem.
Duvido que teriam coragem de abrigar um farrapo humano, como o fizeram do Pedro Mota Mendes, irmão do Padre Mota, que saiu do subterrâneo do Galeão, onde estava sendo torturado juntamente com Stuart Angel, por ter idéias que não iam no mesmo caminho de determinadas cabeças. Ter acudido a jornalista Heloisa Novaes, depois de estuprada e abusada por mais de 30 soldados, nos porões do Quartel do Primeiro Exército,vizinho a Praça Saens Pena.
As barbariades cometidas contra o Major Malta Rezende, e sua filha, apenas porque servira a mesma comida dos oficiais para os soldados, que estavam sob as suas ordens. E mais uma centena de crimes de um rosário nunca revelado. Durante a ditadura acompanhei bem de perto, tanto no Rio como em Brasília, desde a trama para fechar a revista O Cruzeiro, até o calar do Baumgarter. Trabalhei numa empresa que servia aos governos militares, produzindo dezenas e mais dezenas de campanhas, voltadas apenas para a lavagem cerebral de pobres inocentes, que até hoje se acham os donos da verdade.


Centenas e mais centenas dessas figuras conheci bem de perto, e os vejo até hoje tentando se defender do indefensável, pelas barbarides que pesam na sua Consciência, se pode se chamar de consciência. Honestino até hoje está insepulto,e até hoje se pergunta que crime esse pobre rapaz cometeu. Fazer juizo baseado apenas no ouvi dizer, é fácil.



Elmano Rodrigues Pinehiro
.

Amo



Clique na foto e leia a poesia.

Grato!

Gente, 2 comunicados Importantes. Leiam !!

Olá, Amigos,

COMUNICADO 1

NATAL DA FAMÍLIA BLOG DO CRATO

Precisamos programar um encontro da família Blog do Crato para este natal, ou seja, de todo mundo que participa do nosso website, simpatizantes, colaboradores, amigos...seria interessante realizar esse encontro na residência de alguém que tivesse bastante espaço.
Precisamos discutir o assunto melhor. A idéia está lançada.
Tenho inúmeros projetos para apresentar a todos vocês e que precisam ser realizados. Com tantas mentes brilhantes e experientes por aqui, é um desperdício não realizarmos mais coisas. Coisas que só trarão benefícios, Arte e Cultura à nossa cidade e região.

COMUNICADO 2

VOLUNTÁRIOS

Preciso de voluntários para ajudar na produção de programas para a Rádio Chapada do Araripe e nos documentários em vídeo. Alguém se candidata ? Preciso de auxiliares, pessoas dinâmicas, que disponham de tempo e queiram ajudar MESMO.

Entrem em contato pelo e-mail:

blogdocrato@hotmail.com

Abraços,

Dihelson Mendonça

Campanha DOCE NATAL é aberta oficialmente

DOCE NATAL
Prefeito do Crato e primeira-dama abrem oficialmente campanha do doce natal

Aberto na noite de deste domingo, com mais de duas mil pessoas na praça da Sé, em Crato, o Doce Natal, com o lema "No Cratinho de Açúcar todo Mundo é Irmão". A campanha se estende até o próximo dia 20, com grande festa e distribuição de presentes, além da presença de Papai Noel, no Estádio Mirandão.

Na ocasião, o prefeito do Crato, Samuel Araripe, entregou a chave da cidade a Papai Noel, que surpreendeu a todos os presentes na abertura com a descida de rapel da torre da igreja da Sé Catedral. Em seguida, aconteceu um show pirotécnico. A primeira-dama do Crato, Mônica Araripe, destacou a importância do Doce Natal, no sentido de promover a solidariedade, o carinho e o afeto às pessoas. Segundo ela, esse é um trabalho social que tem a perspectiva de permanência, com a criação de uma organização não governamental. Este ano, o trabalho está sendo ampliado, já que Mônica Araripe afirma ter tido contato com alguns empresários da capital do Estado, no sentido de conseguir a adesão para que sejam doados mais brinquedos, além dos empresários do município e região. Nos bairros e locais estratégicos da cidade, a campanha continua.

O prefeito Samuel Araripe também destaca nos trabalhos o envolvimento dos voluntários, que têm contribuído para o engrandecimento da campanha. A meta até o dia 20 é distribuir cerca de 20 mil brinquedos. O prefeito ainda destacou o papel da administração, que entra com a programação, mas ressalta a importante contribuição que pode ser dada por empresários, comerciantes e escolas da cidade. Este ano, além da programação cultural, tendo como entrada a doação de brinquedos, serão realizadas oficinas da Fábrica de Brinquedos, com confecção destes artigos em EVA. O evento conta com o trabalho da Secretaria de Cultura do Crato, tendo extensa programação cultural.

Fonte: Prefeitura Municipal do Crato - PMC
.

CURIOSIDADE I

Por A. Morais

Quem interessar saber do que a Revolução de 1964 foi capaz leia Meninos sem Pátria do Luiz Puntel. Narra a historia da família de um jornalista independente que não tinha o rabo preso nem se intimidava com as ameaças e foi perseguido no Brasil e no exílio na Bolívia, Chile e França. Em nome não sei de quem O Binóculo foi destruído, Jose Maria, dona Tererê e os filhos Marcão, Ricardo e um terceiro na barriga da mãe sofreram as maiores humilhações e sofrimentos na luta e fuga para escapar da morte. Faço este pequeno comentário para mostrar que a musica da postagem de hoje foi censurada e impedida de ser gravada. Veja e ouça na voz da Elis Regina onde poderia ser encontrada alguma agressão a Pátria? Onde está a desobediência legal ou falta de patriotismo? Tempos de imbecis, de loucos.
Que presidente deu inicio a redemocratização do Brasil? - Geisel, Figueiredo ou Sarney.

video


O bêbado e a equilibrista
(João Bosco e Aldir Blanc)

Caía a tarde feito um viaduto
E um bêbado trajando luto
Me lembrou Carlitos
A lua, tal qual a dona de um bordel
Pedia a cada estrela fria
Um brilho de aluguel
E nuvens, lá no mata-borrão do céu
Chupavam manchas torturadas
Que sufoco
Louco, o bêbado com chapéu-coco
Fazia irreverências mil
Pra noite do Brasil, meu Brasil
Que sonha com a volta do irmão do Henfil
Com tanta gente que partiu
Num rabo de foguete
Chora a nossa pátria, mãe gentil
Choram Marias e Clarices
No solo do Brasil
Mas sei que uma dor assim pungente
Não há de ser inutilmente
A esperança
Dança na corda bamba de sombrinha
E em cada passo dessa linha
Pode se machucar
Azar, a esperança equilibrista
Sabe que o show de todo artista
Tem que continuar

Artigo: Antonio Morais.

Letra da música acrescentada por Dihelson Mendonça

RUI BARBOSA - A FACE OCULTA (II)

Acima: Gravura do Marechal Deodoro da Fonseca

Capítulo II

“A ficha de Deodoro só caiu mais tarde, QUANDO RUI VENDEU A “QUINTA DO CAJU”, DE PROPRIEDADE DA UNIÃO, SEM CONSULTAR O PRESIDENTE E POR UM PREÇO CONSIDERADO IRRISÓRIO.
A venda foi anulada e Rui pediu demissão pela nona vez, mas, nessa ocasião, Deodoro aceitou”.

Vide livro "Os Cabeças de Planilha", de Luiz Nassif

(amanhã tem mais)

Por: José Nilton Mariano
.

Reflexos

Foto colorida artificialmente - Claude Bloc

O espelho ainda guarda
os movimentos ansiosos
os olhares inseguros
a ânsia, a aflição, o segredo
a alma atônita, em pânico
mãos espalmadas e úmidas.

Lembro agora, lembro sempre
O espelho que assistia
em soberana apatia
o breve toque do vento
nas sedas do meu vestido
o roçar da primavera
nas bordas do pensamento...

Eu olhava meu reflexo
O leve toque nos lábios
Entreabertos, resignados...
O rubor nas minhas faces
Os meus primeiros arroubos
Presságios, sonhos, enigmas
Sintomas febris de amor

Queria vê-lo, tocá-lo
dançar com ele um bolero
olhar lá dentro dos olhos
poder vislumbrar-lhe a alma
o tempo,porém, brincava...
e a vida nos empurrava
emaranhando meus sonhos

Mas lá estava o espelho
refletindo o vazio:
minha dança solitária
retorcida de saudade.


Texto de Claude Bloc

Doce Natal - Campanha une arte, cultura e solidariedade

Doce Natal

Clique para Ampliar

A campanha de solidariedade do Doce Natal, no município do Crato, foi iniciada com a participação de cerca de duas mil pessoas na Praça da Sé (Foto: ELIZÂNGELA SANTOS)

Este ano, a campanha criada no Crato já conta com a adesão de vários empresários, inclusive da Capital, Fortaleza

Crato. A arte e a cultura em favor da solidariedade abrem a Campanha do Doce Natal, no município do Crato, com a presença de mais de 2 mil pessoas. O projeto, implantado há quatro anos, idealizado pela primeira-dama, Mônica Araripe, agora será permanente. Ela afirma que o objetivo é criar, a partir deste ano, uma Organização Não Governamental (ONG). Até o dia 20, quando será encerrada a programação da campanha, deverão ser arrecadados cerca de 20 mil brinquedos a serem distribuídos com crianças carentes da cidade.

Desde que foi criado, o trabalho tem se ampliado, conforme Mônica Araripe. Este ano, ela afirma que já conta com a adesão de alguns empresários de Fortaleza, além do Crato. A programação direcionada ao Doce Natal, de acordo com a primeira-dama, traz uma perspectiva de envolvimento da população, sensibilizando para o período natalino. “A gente sabe que as pessoas necessitam de alimentos, mas o carinho e a afetividade também são fundamentais”, diz ela.

Na noite de abertura, a Praça da Sé, no Crato, ficou repleta de crianças e adultos à espera da chegada de Papai Noel, que desceu de rapel da torre da igreja. Em seguida, aconteceu um show pirotécnico. As apresentações natalinas foram iniciadas com peças de teatro, Coral da Sociedade de Cultura Artística do Crato (SCAC) e grupos de tradição popular, a exemplo dos Irmãos Aniceto. Com o lema “No Cratinho de Açúcar todo Mundo é Irmão”, o músico e cantor Lifanco apresentou sua música, emocionado, com a finalidade de levar a mensagem a toda a população local e regional.

O evento será encerrado no dia 20, às 16 horas, no Estádio Mirandão, com espetáculos

A chave da cidade foi repassada ao Papai Noel pelo prefeito da cidade, Samuel Araripe. A campanha para doação de brinquedos segue nos bairros, em programações que envolvem temas como Doce Canção, com shows musicais no Café Estação. O couvert artístico é um brinquedo. Há também a Doce Ilha Solidária, com a campanha de arrecadação nas ruas e em locais específicos. O Doce Espetáculo, será realizado no Centro Cultural do Araripe e no Teatro Municipal Salviano Arraes Saraiva.

A oficina solidária com fabricação de brinquedos em E.V.A. e pernas de pau acontece no dia 16, com a Fábrica de Brinquedos Doce Ilha Solidária. A Fantástica Fábrica de Doce será realizada às 19 horas, no Centro Cultural do Araripe. Já no dia 13, será realizado o Doce Espetáculo, com Pimpão, o Palhaço Trapalhão.

Mônica Araripe ressalta que esse trabalho tem sido planejado e desenvolvido na cidade durante todo o ano. Além de espetáculos e oficinas, são realizadas visitações em hospitais, creches, asilos, delegacia, levando a mensagem de alegria e felicitações pelo Natal à população. “Esse é um momento de envolvimento de toda a população, em torno de uma data especial, que é a do Natal. A Prefeitura entra com a programação, mas, realmente, as doações são feitas pelo comércio, a indústria, as escolas”. O evento será encerrado no dia 20, às 16 horas, no Estádio Mirandão, com espetáculos culturais, distribuição dos presentes doados e a vinda do Papai Noel.

Elizângela Santos
Repórter

DOAÇÕES
20 mil brinquedos deverão ser arrecadados no Crato este ano na Campanha do Doce Natal, a ser realizada até o dia 20, data de encerramento da festa

Mais informações:
Secretaria de Cultura do Crato, localizada no Centro Cultural do Araripe
Rua Theopisto Abath, S/N, Centro
(88) 3523.2365

Reportagem: Elizângela Santos
Fonte: Jornal Diário do Nordeste

CRATO: Exposição movimenta R$ 723 mil em negócio

Berro Cariri

Clique para Ampliar

Anglo-Nubiana foi uma das raças de destaque em exposição no Berro Cariri (Foto: ANTÔNIO VICELMO)

Criadores de ovinos e caprinos comemoram os resultados do Berro Cariri, encerrado no domingo, no município do Crato

Crato. O hábito no consumo da carne de ovinos e caprinos cresce na região do Cariri, mas a produção desses animais para o abate não acompanha essa evolução. Com isso, o mercado regional está obrigado a importar animais de outros centros como o Estado do Pernambuco e a região cearense dos Inhamuns. Um dos objetivos do Berro Cariri, encerrado no domingo, é estimular a ovinocaprinocultura na região. O grupo organizador do evento destaca que a feira superou as expectativas. Foram 814 animais em exposição e R$ 723 mil em volume de negócios.

Um dos primeiros animais domesticados pelo homem, o bode adaptou-se bem ao semi-árido nordestino. “Por conta desta adaptabilidade, rudeza, alta resistência e um bom aproveitamento da carne, pele, esterco, vísceras e ossos, os animais se tornaram uma espécie de característica regional”, observa o presidente do grupo gestor que administra o Berro Cariri, Francisco Leitão Moura, com a experiência de um dos maiores criadores de caprinos do Ceará. Leitão é campeão da raça anglo-nubiana, uma variedade usada no Nordeste para cruzamento com cabras comuns para comercialização de carne e produção de leite.

“A produção de ovinos e caprinos representa uma alternativa na oferta de carne, leite e derivados, favorecendo o aspecto alimentar, especialmente da população rural”, disse o secretário de Desenvolvimento Agrário, Camilo Santana, que visitou o evento, acrescentando que a produção de peles, de aceitação nacional e internacional, tem correspondido a cerca de 20% do valor atribuído ao animal abatido, constituindo receita para o criador e gerando divisas para o Estado.

O crescimento da exploração de pequenos ruminantes está transformando o cenário dos sistemas produtivos. “Daí o interesse da Secretaria no sentido de incentivar este setor da agropecuária regional”, afirma o secretário estadual.

Concomitantemente à exposição e também a comercialização de animais, aconteceu uma série de outros eventos, a partir da III Exposição das Raças Nativas de Ovinos e Caprinos do Brasil (III Exponativa).

O Berro também abraçou outros setores de atividades como a produção artesanal, a apicultura, a mandiocultura e a agroindústria canavieira. Tanto que, no interior do parque, funcionaram uma casa de farinha e um engenho de rapadura, a exemplo do que ocorre quando acontece a Expocrato.

O parque de exposições se transformou na vitrine dos artesões do Cariri. Redes, rendas, móveis rústicos, artefatos de couro e bijuterias dividiram espaços com a produção de alimentos caseiros, entre os quais doces e bolos.

Festivais
“O Berro Cariri foi a valorização dos artistas regionais”, destacou o secretário de Desenvolvimento do Crato, José Gilson Alencar.

Durante o evento foram realizados o Festival de Folclore Mestre Eloi, o Festival de Violeiros Cego Aderaldo e o Festival de Cordelistas Patativa do Assaré. Um enorme palco foi armado, com ampla estrutura de som e iluminação, para dar vazão às manifestações culturais do Cariri. O diretor da Associação dos Criadores do Crato, Ricardo Biscúcia, destacou o lançamento do Museu da Exposição que será inaugurada no mês de julho, durante a abertura da Expocrato.


IMPORTÂNCIA

"O Berro Cariri vem se consolidando como um acontecimento importante da agropecuária regional".
Ricardo Biscúcia
Da Assoc. dos Criadores do Cariri

Fonte: Jornal Diário do Nordeste
.

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30