25 outubro 2008

Campanha da gentileza.



O executivo estava na capital e entrou em um táxi com um amigo. Quando chegaram ao destino, o amigo disse ao taxista: Agradeço pela corrida. O senhor dirige muito bem. E, ante o espanto do motorista, continuou: Fiquei impressionado em observar como o senhor manteve a calma no meio do trânsito difícil. O profissional olhou, um tanto incrédulo, e foi embora. O executivo perguntou ao amigo por que ele dissera aquilo. Muito simples – explicou ele. Estou tentando trazer o amor de volta a esta cidade e iniciei com uma campanha da gentileza. Você sozinho? – Disse o outro. Eu, sozinho, não. Conto que muitos se sintam motivados a participar da minha campanha. Tenho certeza de que o taxista ganhou o dia com o que eu disse. Imagine agora que ele faça vinte corridas hoje. Vai ser gentil com todas as 20 pessoas que conduzir, porque alguém foi gentil com ele. Por sua vez, cada uma daquelas pessoas será gentil com seus empregados, com os garçons, com os vendedores, com sua família. Sem muito esforço, posso calcular que a gentileza pode se espalhar pelo menos em mil pessoas, num dia. O executivo não conseguia entender muito bem a questão do contágio que o amigo lhe explicava. Mas, você vai depender de um taxista! Não só de um taxista, respondeu o otimista. Como não tenho certeza de que o método seja infalível, tenho de fazer a mesma coisa com todas as pessoas que eu contatar hoje. Se eu conseguir que, ao menos, três delas fiquem felizes com o que eu lhes disser, indiretamente vou conseguir influenciar as atitudes de um sem número de outras. O executivo não estava acreditando naquele método. Afinal, podia ser que não funcionasse, que não desse certo, que a pessoa não se sensibilizasse com as palavras gentis. Não tem importância, foi a resposta pronta do entusiasta. Para mim, não custou nada ser gentil. * * * Você já pensou como seria bom se agradecêssemos ao carteiro por nos trazer a correspondência em nossa residência? Ao médico que nos atenda, ao balconista, ao caixa do supermercado... E a um professor, então? Quantos se mostram desestimulados porque ninguém lhes reconhece o trabalho! Se receber um elogio, se alguém lhe disser como é bom o trabalho que está realizando com seu filho, como ele influenciará todos os alunos das várias classes em que leciona! E cada aluno levará a mensagem para suas casas, seus amigos, seus vizinhos. Pode não ser fácil, mas se pudermos recrutar alguém para a nossa campanha da gentileza... Diz um provérbio de autoria desconhecida que as pessoas que dizem que não podem fazer, não deviam interromper aquelas que estão fazendo alguma coisa. Pensemos nisso e procuremos nos engajar na campanha da gentileza. Pode não dar certo com uma pessoa muito mal-humorada. Mas também pode ser que ela se surpreenda por ser cumprimentada, e responda. Melhor do que isso: pode ser que ela decida cumprimentar alguém. E, em fazendo isso, se sinta bem. E passe a cumprimentar as pessoas todos os dias. Assim estaremos espalhando o germe da gentileza, que torna as pessoas mais próximas umas das outras. Uma campanha que espalha confiança, tranquilidade... Pensemos nisso e façamos nossa adesão à campanha da gentileza, transformando a nossa cidade num oásis de paz.Redação do Momento Espírita, com base no cap. O amor e o taxista, de autoria de Art Buchwald, do livro Histórias para aquecer o coração, de Jack Canfield e Mark Victor Hansen, ed. Sextante.Em 06.06.2008.

Mônica Araripe



Carta de Solidariedade ao Blog. - Por: Carlos Pontes.

Caros Leitores,

É oportuno lembrar que o Blog do Crato é um canal de informação que de modo afetivo e poético transmite sempre as boas notícias de que esperamos e merecemos. Creio que não seria demais esquecer um pouco nosso maldito egocentrismo, nosso umbigo, nossas individualidades e lembrar que o Dihelson Mendonça quando abraçou uma causa como essa do Blog do Crato não é exatamente para enriquecer ou mesmo agir de modo ilícito sobre nada. O mínimo que podemos fazer como leitores é dar-lhe estímulos para continuar o seu belo trabalho no qual valoriza intrínsecos o Município do Crato assim como toda a região do cariri. Não custa nada a nossa solidariedade. A causa também é nossa. É a valorização de nossa região de berço como um todo. Poucos têm essa ousadia de manter um site sem que receba algum tipo de ajuda financeira. Infelizmente vivemos numa sociedade de consumo e é necessário a manutenção de tudo aquilo que usufruímos. É a realidade dos fatos. Lembrando que a qualidade maior desse site está principalmente na imparcialidade. Dihelson é muito zelozo quanto a esse aspecto. Basta observar a veracidade das notícias. Desprovido de preconceitos o site divulga sempre a boa música, concursos de beleza, a política ambiental, a visão crítica sobre o que ocorre na cidade (obras públicas), urbanização, o zelo pela cultura (por tradição e/ou não) mas sempre mantendo a identidade inerente e fiel ao povo, etc. Leitores como eu, vamos depositar uma pequena fração para manter esse site criativo e sempre cheio de novidades. Custa-lhe tão pouco por uma grande causa, insisto. No final todos nós ganhamos porque promovemos nossos sonhos e nossa região, o Cariri.

Abraços

Carlos Pontes
Fortaleza-Ce.

Resposta:

Prezado amigo Carlos Pontes.
Ah, se todo mundo tivesse essa sua visão, amigo. Vc não imagina os palavrões e baixarias que eu recebo por e-mail, literalmente botando abaixo tudo que se faz por aqui. E-mails, Sala de Bate-Papo.... só que eu não me abalo. A gente vai aprendendo a "engrossar o couro" e relevar essas picuinhas, pois parte da cabeça de moleques macacos que nada têm a oferecer à sociedade, a não ser a baixaria que eles fazem. O Blog não é meu. É de todos que escrevem. Eu me preocupo mais com os custos no que se refere aos projetos em andamento, como o estúdio de TV que pretendo fazer, e para isso será necessário levantar cerca de 40.000 reais ( Bem que aquele povo da praça poderia ter jogado umas migalhas por aqui, rs rs rs ). Mas é isso aí. Agradeço a sua solidariedade e a de todos os colegas que pensarem como você. Não colocarei nomes aqui, para não desmerecer os demais que não contribuem.

Um grande abraço,

Dihelson Mendonça

Não se Esconde o Diabo deixando de fora o Rabo...



Formigueiro

Avisa ao formigueiro
Vem aí tamanduá

Pra começo de conversa, tão com grana e pouca pressa
Nego quebra a dentadura mas não larga a rapadura
Nego mama e se arruma, se vicia e se acostuma
E hoje em dia está difícil de acabar com esse ofício...

Avisa ao forigueiro
Vem aí tamanduá

Repinique e xique-xique, tanta caixa com repique
Pra entupir nossos ouvidos, pra encobrir nossos gemidos
Quando acabar o batuque aparece outro truque
Aparece outro milagre do jeito que a gente sabe...

Avisa ao formigueiro
Vem aí tamanduá

Tanto furo, tanto rombo não se tapa com biombo
Não se esconde o diabo deixando de fora o rabo
E pros "home" não tá fácil de arrumar outro disfarce
De arrumar tanto remendo se tá todo mundo vendo...

Avisa ao formigueiro
Vem aí tamanduá

Música: Ivan Lins
Letra: Victor Martins
.

Haicai 088


.:.
Que banco tão caro!
Parece-me o centenário
d’outra escravidão.

Nijair Araújo Pinto

Crato, 25 de outubro de 2008.
11h29min

Senador do PCdoB que manutenção dos investimentos no Ceará

O senador Inácio do Partido Comunista do Brasil - PCdoB quer manutenção dos investimentos no Estado do Ceará. O senador Inácio Arruda fala aos senadores, deputados e representantes da sociedade civil, presentes a seminário que discutiu Orçamento Federal para 2009.Durante o seminário da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização do Congresso Nacional, o senador Inácio Arruda defendeu a continuidade dos investimentos do Governo Federal em obras de infra-estrutura para o Estado do Ceará. Para ele, em um momento de crise como o que a economia mundial enfrenta, os investimentos voltados para o fomento da produção configuram-se na melhor solução para encarar a ameaça de recessão. O seminário aconteceu na manhã dessa quinta-feira (23.10), no Plenário 13 de Maio da Assembléia Legislativa, contando com a participação do vice-presidente da Comissão, senador Marconi Perillo, do relator Geral do Orçamento, senador Delcídio Amaral, dos deputados Jorge Khoury, Chico Lopes, Raimundo Gomes de Matos e José Pimentel. O senador Inácio Arruda espera que dentro do projeto da Lei Orçamentária Anual da União para 2009 estejam garantidos os recursos para o Estado. "A minha maior preocupação é exatamente com a grande expectativa que nós cearenses temos com relação ao orçamento da União, de onde vem os maiores investimentos", inclusive os do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), argumentou. Inácio Arruda citou obras que não podem perder fôlego como a refinaria Premium da Petrobras, " o maior de todos os investimentos", além do Canal da Integração. "Sem água não tem refinaria nem siderúrgica", defendeu. O comunista destacou a necessidade de se tocar as obras de irrigação no Tabuleiro de Russas, Baixo Acaraú e Araras Norte e o trabalho nas barragens da Bacia do rio Acaraú, rio Jaguaribe e rio Poti, como também no açude de Itapebussu e no âmbito do Programa de Macrodrenagem de Fortaleza dos rios Cocó, Maranguapinho e Ceará. O deputado federal Chico Lopes (PCdoB-CE), que é membro da Comissão Mista de Orçamento, corroborou com a exposição de Inácio, sem esquecer os investimentos na área de infra-estrutura. Ele disse que não aceita corte no orçamento para o Estado. "Tem que ter mais investimento. Temos que ser mais arrojados para produzir mais e continuar com o desenvolvimento", enfatizou.

Vigilância
O presidente da Assembléia Legislativa, deputado Domingos Filho, abriu o primeiro seminário regional da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização do Congresso Nacional, que discutiu o projeto da Lei Orçamentária Anual da União para 2009. Para ele, esse tipo de evento deveria ser uma prática constante, "pois o dever de cidadania inclui a vigilância sobre as contas públicas e a fiscalização sobre a aplicação correta dos recursos do erário como um dever constitucional. O deputado destacou ainda a importância do Parlamento trazer a discussão para perto do cidadão e avaliou que as Câmaras e Assembléias Legislativas são o foro natural para essas audiências, já que estão mais próximas da população e, dessa forma, oferecerem as melhores condições de conhecimento para que haja questionamentos e sugestões.
O vice-presidente da Comissão Mista, senador Marconi Perillo (PSDB/GO), agradeceu a receptividade dos parlamentares e da população cearense e disse que é uma honra começar as discussões pelo estado do Ceará. Ele citou algumas novidades na discussão e fiscalização da execução orçamentária.
Segundo Perillo, a primeira delas é que as propostas poderão ser encaminhadas por qualquer instituição através de um link no site da Câmara Federal. Segundo Perillo, o relator geral do Orçamento, senador Delcídio Amaral (PT/MS), vai incluir uma emenda à proposta justamente para contemplar as sugestões feitas nos seminários regionais. Outra novidade anunciada por Marconi Perillo é o "Fiscalize", sistema que também está à disposição no site da Câmara Federal e que permite a qualquer cidadão fiscalizar e acompanhar a execução do orçamento da União.

Transparência
Já o senador Delcídio Amaral (PT-MS), relator geral do Orçamento, disse que há uma grande preocupação em desenvolver os trabalhos com transparência e que é preciso ter condições de mostrar tudo que a comissão está fazendo para a elaboração do relatório. "É fundamental aproximar o Orçamento Público do cidadão e divulgar ferramentas que permitam o controle da legislação orçamentária", complementou. O senador informou que o Orçamento é de aproximadamente R$ 1,6 trilhão, registrando que o relatório preliminar apresentado à comissão já está na Internet à disposição de todos. O relator geral destacou também que a proposta orçamentária é preparada pelo Ministério do Planejamento, encaminhado à Presidência da República e, em seguida, encaminhado ao Congresso Nacional. "A Comissão de Orçamento tem um relator geral, um relator da receita, e relatores setoriais por áreas temáticas (quatro senadores e seis deputados). Nós temos deputados e senadores que irão trabalhar nesses relatórios setoriais e, por fim, o relator geral junta tudo no relatório final de 2009", explicou. Segundo Delcídio, quando a comissão recebe o orçamento da presidência, há uma tramitação que envolve esforço conjunto dos parlamentares, para receber e analisar emendas e é importante que a comissão cumpra seus cronogramas. O senador disse ainda que já foram iniciados os trabalhos com os relatores setoriais e, até 22 de dezembro, a peça orçamentária estará aprovada. Finalizando, Delcídio Amaral ressaltou que já recebeu uma contribuição dos movimentos sociais organizados do Ceará com propostas como o apoio à revitalização das cinco escolas agrícolas do Ceará, a implantação de 70 Centros de Inclusão Digital no Interior e a ampliação da tecnologia social de fortalecimento do semi-árido, com investimentos de R$ 30 milhões aproximadamente. De acordo com ele, sugestões e reivindicações podem ser feitas no site www.camara.gov.br .A Comissão Mista de Orçamento realiza seminários regionais anualmente, promovendo debates em várias cidades do País. O primeiro seminário deste ano foi realizado em Brasília na quarta-feira. Depois de Fortaleza, a Comissão passará pelos estados de Pernambuco (23/10), Mato Grosso do Sul (28/10), Amazonas (30/10) e Goiás (31/10). Em novembro, os debates serão realizados no Rio Grande do Sul (3/11), Espírito Santo (3/11) e Minas Gerais (4/11).

Assessoria do gabinete com informações do site da Assembléia Legislativa


.:.
Eu doido
Sou dado, dado...
O dar que não dei
Homem outro daria, direi.
Da loucura do dado
Sua desventura, doida...
Vida dada, doideira – darei.

(Nijair)

Do meu livro 'Anversos de um versador'

Fundão será restruturado

O patrimônio ecológico Parque Estadual Sítio Fundão, criado em março deste ano pelo governo estadual, vai ser reestruturado. A área fica na cidade do Crato, na Região do Cariri

por Rita Célia Faheina

O projeto de reestruturação do Parque Estadual Sítio Fundão, patrimônio ecológico que fica no Crato, Região do Cariri, será lançado hoje, às 8 horas, no auditório da Coordenadoria Regional da Saúde (20ª Cres), no bairro São Miguel. A área, de 93.54 hectares desapropriada pelo Governo do Estado em fevereiro deste ano, estava sendo motivo de preocupação dos ambientalistas que denunciavam a ação de caçadores de animais silvestres e de vândalos que roubavam a fiação elétrica dos postes localizados no parque.Edmundo Alencar, filho do antigo proprietário do sítio, Jefferson da Franca Alencar, é um dos denunciantes. Ele se diz preocupado com o abandono da área que é rica em biodiversidade e mata nativa. Possui, inclusive, vegetação remanescente da Mata Atlântica. Segundo Edmundo, já houve no local a ocorrência de queimadas, a retirada ilegal de madeira e a colocação de arapucas para capturar animais nativos.O Sítio Fundão, localizado a três quilômetros da sede do Crato, ainda conserva um carro de boi feito de pau, uma barragem construída no período da escravidão e casa de taipa antiga com dois andares. Segundo o projeto que será apresentado hoje pelo superintendente estadual do Meio Ambiente do Ceará (Semace), Herbert Vasconcelos, o engenho será reestruturado e a casa de taipa vai ser transformada em um centro de visitação.Segundo Herbert, quando o governo estadual comprou a área, foi recebida com 400 metros de cerca danificada. Essa cerca de proteção será reconstruída. O projeto, que será lançado hoje, inclui também a nova sede do escritório da Semace-Cariri, uma unidade da Companhia de Policiamento do Meio Ambiente (CPMA). Dentro do Sítio Fundão está localizado o geotope Batateiras, um dos nove que compõem o Geopark Araripe.O decreto de desapropriação da área data de 8 de fevereiro passado, mas só foi publicado no Diário Oficial do Estado no dia 11 daquele mês. No dia 14 de março deste ano, o Governo do Estado criou o Parque Estadual do Sítio Fundão, uma área de 93 metros quadrados, 520 hectares em unidade de conservação de proteção integral. (Colaborou Amaury Alencar)
SAIBA MAIS
O Sítio Fundão Faz parte do Geotope Batateiras do Geopark Araripe que é uma outra ação de preservação ambiental do contexto geológico e paleontológico da Bacia Sedimentar do Araripe. Neste âmbito, existem também compromissos públicos de transformação desta ação em um Programa Estadual de Governo e consolidação efetiva do parque, já que o próprio Governo do Estado está à frente da realização da 1ª Conferencia Americana dos Geoparks Unesco, no Crato, em 2009.O Geopark Araripe é uma iniciativa do Governo do Estado do Ceará, representado pela Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Educação Superior, coordenado pela Universidade Regional do Cariri (Urca). Em dezembro de 2005, o Governo do Estado do Ceará apresentou postulação à Divisão de Ciências da Terra da Unesco, que reconheceu em setembro de 2006 o Geopark Araripe como primeiro Geopark das Américas.O conceito do Geopark Araripe está baseado no estabelecimento de uma rede de Unidades de Conservação da Natureza, que se estendem por uma área de mais de 5.000 km, abrangendo seis municípios diferentes da região. Cada unidade é denominada de Geotope e corresponde a um estrato e tempo geológico definido, permitindo ao visitante uma abrangente compreensão da origem, evolução e estrutura atual da Bacia Sedimentar do Araripe.Os geotopes são nove: Exu (Pontal de Santa Cruz, em Santana do Cariri); Arajara (Parque do Riacho do Meio em Barbalha); Santana (Parque dos Pterossauros em Santana do Cariri); Ipubi (antiga Minas Chaves entre Santana do Cariri e Nova Olinda); Nova Olinda (Mina de pedra cariri em Nova Olinda).Outros geotopes são: Batateiras (rio das Batateiras no Crato); Missão Velha (floresta fóssil); Devoniano (Canyon do rio Salgado) e Granito (Colina do Horto, onde fica a estátua do padre Cícero em Juazeiro do Norte). O Geopark Araripe possui ainda um escritório central na cidade de Crato e o Museu de Paleontologia da Urca, como unidades fundamentais.FONTE: www.geoparkararipe.org

Blog do Crato bate Recorde de Visitas em Setembro - 25.257 visitas.

Olá, Pessoal,

É com grande satisfação que trago as estatísticas do mês de setembro de 2008. Superamos as 25.000 visitas MENSAIS. Isso prova que nosso trabalho dedicado, trazendo notícias, reportagens, agendas culturais, entrevistas, tem dado certo. Podemos afirmar com certeza que o Blog do Crato hoje representa o maior avanço na divugação da cidade em termos de interatividade com o público, que pode participar, comentando cada notícia postada. A receita desse sucesso são os nossos companheiros inseparáveis, e o grande amor e dedicação que temos por nossa cidade. Parabéns a nós todos. Continuemos na luta!

Clique na imagem para ampliar:


Fonte: WebCounter Dot5hosting, servidor que hospeda nosso website.

Fotos da Praça de 90.000 reais que pode ser construída por 10.000.


Não se fala em outra coisa: A Praça Siqueira Campos.


Trago algumas fotos da reforma milionária da praça Siqueira Campos em Crato, da autoria do Deputado Ely Aguiar ( até prova em contrário ), a Praça mais cara do Brasil. Segundo alguns, teria custado 90.000 reais. Outros já falam em 160.000 reais. O que o povo fala nas ruas é que dá para fazer a mesma reforma por 10.000 reais !!!

O que Mudou:

Ao lado do busto de Siqueira Campos, Já existente, foi erigida uma coluna da hora, ridícula, por sinal, desnecessária e feia, que compete com o busto de Siqueira Campos, que ficou mais rebaixado.

O piso foi trocado desnecessariamente, por Pedras de Santana, que se não tratadas, poderá se tornar escorregadio. Praça perigosa ?

Os bancos foram envernizados.

Os canteiros foram pintados de Verde.

No mais, o resto permanece basicamente o mesmo, troca-se uma lâmpada aqui, põe-se um holofote acolá...

Vamos às contas na ponta do Lápis ?

Digamos que essa praça tenha uns 40x40 metros, e revestida de pedra de Santana a 4 reais o metro, teriam sido gastos: 1600 metros quadrados x 4 = R$ 6.400,00 . Sendo que a reforma do piso é o que deve ter sido a coisa mais cara da reforma, pode concluir o seguinte:

Se o orçamento gasto na praça foi de 90.000 reais, vamos fazer aqui nossas contas:
- Verniz para os bancos
- Luminárias para algumas árvores
- pintura de rodapé dos canteiros
- pequeno revestimento de granito do busto de Siqueira Campos
- Pequena Coluna da Hora

Total: 83.600 Reais !!!!!!!!!!!

83.600 reais com algumas luminárias, verniz, parafusos e lâmpadas ! Você engole essa ??

Não estou fazendo campanha contra o Dep. Ely Aguiar. Só queremos saber a VERDADE! Quem discordar das contas, que nos prove o contrário e traga o orçamento gasto pela construtora. O povo precisa e vai ver esse orçamento. Aonde está o DINHEIRO ?

Parabéns!

Futebol - Atualização - Por: Amilton Silva

A 32 ª rodada prosseguiu ontem (24) com mais tres jogos, no Castelão, em Fortaleza, o Fortaleza decepcionou os poucos mais de oito mil torcedores com um empate de 2 X 2 contra o CRB de Alagoas. Com o resultado o Tricolor cearense permanece na 17ª posiçao , na classificação geral,e tera que lutar muito para não ser rebaixado para segunda divisão de 2009. O CRB chegou a abrir 2 gols de vantagens , mas com muita luta o Fortaleza chegou ao empate. A partida foi muito fraca tecnicamente e Fortaleza saiu bastante vaiado pela sua torcida. Em Caxias do Sul, o Juventude venceu o Gama de Brasília por 3 X 2.Em Goiânia Vila Nova 2 X 1 na Ponte Preta. A rodada será finalizada hoje (25) com quatro jogos:

SÃO CAETANAO X BAHIA
CORINTHIANS X CEARA
BARUERI X PARANA
AVAI X MARILIA

A 31ª rodada da Séria A, será finalizada hoje com os seguintes jogos:

FLUMINENSE X PALMEIRAS
IPATINGA X BOTAFOGO
ATLETICO PR X CRUZEIRO
SANTOS X FIGUEIRENSE
NAUTICO X PORTUGUESA
ATLETICO MG X INTERNACIONAL

Após a Finalização das duas rodadas das séries A e B, apresentaremos a classificação geral , e o torcedor terá uma idéia de como ficará a situação de seu clube.

Por: Amilton Silva - Editor de Esportes do Blog do Crato
Foto: Diário do Nordeste.
.

Bahia: Fogo Consome Chapada Diamantina

Época de estiagem. Perigo para as florestas. Nessa foto logo abaixo, divulgada pelo UOL ( Universo On-Line ), vê-se o nível de destruição na Chapada Diamantina, na Bahia. Vamos torcer para que esse pesadelo não chegue á nossa querida Chapada do Araripe.




O governador da Bahia, Jaques Wagner, decretou situação de emergência em 20 municípios da Chapada Diamantina por causa do agravamento dos incêndios que atingem a região desde o inicio deste mês. O decreto vai constar na versão online do Diário Oficial do Estado, a partir deste sábado (25). A lista de municípios afetados inclui Lençóis, principal destino turístico da região da Chapada Diamantina. A lista de municípios afetados inclui Lençóis, principal destino turístico da região, além de Abaíra, Andaraí, Barra da Estiva, Boninal, Bonito, Dom Basílio, Erico Cardoso, Ibicoara, Iraquara, Jussiape, Livramento de Nossa Senhora, Mucugê, Palmeiras, Piatã, Rio de Contas, Rio do Pires, Seabra, Utinga e Wagner. O governo montou um grupo de trabalho gerido pela Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cordec) para atuar no gerenciamento das ações de diversos órgãos públicos que vão executar as ações de combate ao incêndio na Chapada, como o Corpo de Bombeiros, Instituto do Meio Ambiente, Casa Civil, Casa Militar do Governador, Grupamento Aéreo da PM, Policia Ambiental e Secretaria Estadual do Meio Ambiente.

Mais de 500 servidores estarão envolvidos na operação, que também contará com dois helicópteros, duas aeronaves de combate ao fogo, uma com capacidade para armazenar 6 mil litros de água e outra para 3,8 mil, 10 caminhonetes de tração 4x4, além de quatro caminhões especiais de combate a incêndio em áreas florestais, do Corpo de Bombeiros, que manterá bases em cinco municípios e uma central na cidade de Lençóis.

Fonte: UOL.

Projeto Curta Muito neste sábado 25/10

.

Uma boa parceria que vem dando resultado é o projeto Curta Muito do Centro Cultural Banco do Nordeste do Brasil – CCBNB e o Coletivo Malungo. Pensando na diversidade de olhares e na oportunidade de socialização dos produtos audiovisuais o Coletivo Malungo preparou uma seleção com dois curtas-metragens da produçãoda Estação Cinema de Santa Maria-RS. A Estação Cinema – Associação dos Profissionais Técnicos de Cinema e Vídeo deSanta Maria -é a entidade de classe representativa do setor audiovisual da cidade e região.Foi fundada em 06 de abril de 2002 com o objetivo de promover o debate efomentar a prática do fazer audiovisual, e desde então realiza várias atividades de intercâmbio e valorização dos profissionais técnicos da área, bemcomo de todos aqueles que apreciam a arte cinematográfica. Promove também debates e exibições conjuntas com o movimento cineclubista e participa de atividades em todo o país. Realiza as edições do Seminário Gaúcho de Cinema, em parceriacom o Festival Santa Maria Vídeo e Cinema, e também o grupo de estudos decinema. Os curtas foram extraídos do DVD Estação Cinema Vol 1. que temem seu acervo 11 curtas produzidos pelos profissionais da Estação.
Ao todo foram doze curtas metragens lançados na sociedade caririense, apresentando o mundo através das telas de cinema. Neste mês de outubro osfilmes 1969 e Farsa Seca mostram o panorama cinematográficodesenvolvido pra bandas do sul, organizando um diálogo entre sul e nordeste, ou melhor, entre Cariri e Santa Maria. A última exibição acontecerá no Coletivo Malungo, neste dia 25 de outubro(sábado). Separe um tempo para curtir o bom cinema feito no Brasil e lembre-seque a exibição começa as 21 horas no Coletivo.

Sobre os filmes:

1969: (dir.Mauricio Canterle & Manolo Zanella - Ficção - 2004 - 16 min)
Sinopse: Caio é um rapaz que ama o cinema e sonha em um dia poder estar trabalhandoe vivendo dessa arte, ele mora sozinho e estuda para o vestibular de um cursoque não lhe agrada nem um pouco, ou melhor, lhe revolta. O pai de Caio mora no interior e é responsável pela insatisfação do filho com os estudos.Insiste em oprimi-lo, com suas regras e atitudes ditatoriais, tornando toda famíliasubmissa. A família de Caio decidiu visitá-lo e ele tomou a decisão de acabarde vez com aquela palhaçada. O método que ele utilizou para isso foi, no mínimo, inusitado.

Farsa Seca: (dir.Fabrício Koltermann- Ficcção - 2007 - 12 min)
Sinopse: Um roubo transforma um cidadão sem muito sucesso em herói municipal,ou não.

www.coletivomalungo.wordpress.com
Coletivo Malungo
Rua Tristão Gonçalves,567 – Centro

Crato - CE


Cordel na Feira com os alunos do Projeto Verde vida

.


Nos varais da Feira

Crianças do distrito de Ponta da Serra aprendem como se faz o cordel e levam seus conhecimentos ao seu lugar de origem: a feira. Por entre pessoas, roupas, bolsas, feijões, rapaduras e inúmeros produtos comercializados na feira de Crato-CE crianças do Projeto Verde Vida mostram seu primeiro momento enquanto cordelistas da região do Cariri. O lançamento do cordel intitulado Direitos da Criança poderá ser apreciado neste dia 27 de outubro, a partir das 9h pelo Projeto Cordel na Feira, uma iniciativa do SESC – Crato em parceira com a editora Coisas do meu Sertão da Academia dos Cordelistas do Crato - ACC. O trabalho foi desenvolvido por 25 crianças de 6 a 11 anos de idade que durante o programa de Artes Integradas do Projeto Verde Vida construíram 20 xilogravuras que comporão as capas dos folhetos destes pequenos cordelistas. Durante um período de três meses foram oferecidas as estas crianças técnicas de desenho, xilogravura e poesia. “O Programa Artes Integradas nasceu do anseio de mostrar as inúmeras possibilidades de explorar a Arte como recurso didático, além é claro, de despertar a sensibilidade e chamar a atenção das crianças para a importância das mesmas na vida das pessoas envolvidas no processo de construção de um fazer artístico” afirma a educadora e responsável por este programa Ana Cláudia Isidoro. Para a montagem da exposição foram selecionados 20 xilogravuras para o primeiro cordel contendo poesia e gravuras desenvolvidas pelos aprendizes, sob a orientação dos educadores e artistas Ana Cláudia Isidoro, Maércio Lopes e Carlos Henrique.

O Projeto Cordel na Feira estará lançando o seu 24º cordel. Na ocasião, os pequenos cordelistas farão uma performance poética, onde recitarão os versos de sua obra como comemoração aos dois anos de funcionamento deste projeto. Acrescenta-se aqui, crianças em ambiente da feira, uma boa oportunidade de ver comunidades rurais conquistando seu espaço de destaque no mundo ao qual pertence.

Hosana Régia Quinderé
Assessoria de Comunicação
Projeto Verde Vida – Ponta da Serra – Crato-CE

Coletivo Malungo - Oficina de Utilização dos Espaços Teatrais

Pensando na diversidade de olhares e na oportunidade de socialização dos espaçosteatrais da região e com o intuito de proporcionar opções de circulação da arte,o Coletivo Malungo oferece a oficina de Utilização dos Espaços Teatrais,ministrado pela arquiteta e cenógrafa Rachel Lacerda nos dias 3 a 7 denovembro. A oficina tem o propósito de explorar todas as possibilidades deutilização dos espaços cênicos da região e, com isso, colaborar noaperfeiçoamento das companhias de teatro locais. Rachel formou-se em Arquitetura e Urbanismo na cidade de Recife-PE e, após participar de uma oficina decenografia no Festival de teatro da cidade, decidiu rumar a São Paulo em buscade conhecimentos nas áreas de cenografia e iluminação. Dentre as muitas oficinas que participou em São Paulo, Racheldestaca a Oficina com Jean-Guy Lecat, Arquiteto e Cenógrafo francês quetrabalhou durante 35 anos com o diretor teatral Peter Bruke(FRA), o Curso deespecialização em Arquitetura de Teatros – crítica, projeto e história,coordenado por J.C. Serroni (Arquiteto, Cenógrafo e Figurinista deteatro), Gustavo Lanfranchi (ArquitetoTeatral) e Denise Alcântara (Arquiteta do Teatro Municipal de São Paulo) e asua participação no Núcleo de Direção de arte do “Teatro da Vertigem”, projeto BR3, em 2005, São Paulo - SP. A facilitadora está de volta ao cariri cearense desde o ano de 2006,onde vem desenvolvendo projetos no seu Estúdio Arquitetônico e ministrado cursos pelo CCBNB(Centro Cultural Banco do Nordeste).

Sobre a Oficina:

A oficina trabalhará vários aspectos de utilização dos espaços cênicos, desde as teorias, passando poradaptação, delimitação e escolha dos ambientesde apresentação, montagens de esquetes, além de visitas guiadas a teatros do Cariri, culminando com a apresentação dos trabalhos desenvolvidos durante aoficina. As aulas acontecerão no espaço cultural Coletivo Malungo, na RuaTristão Gonçalves – 567 – Centro do Crato. As inscrições começam neste dia 27de outubro, a partir das 8h às 11h e das 16h às 20h de segunda a sexta-feira. A oficina não custa quase nada, ao preço de 30,00 por pessoa. As vagas são limitadas!

+ informações pelos telefones 9903-1723/ 9619-1898 oupelo blog: www.coletivomalungo.wordpress.com

Em Compensação, o Brasil perde Regina Weissman, uma maestrina do Acordeon !

Quase em adendo à minha postagem anterior sobre os Forrozeiros eletrônicos que o Ceará produz, que nem é música nem é NADA, salvo raras excessões de algum músico bom perdido nesse meio pra sustentar a família, recebi a notícia ( não confirmada ainda ), de que faleceu ontem a grande acordeonista Regina Weissman. Se for mesmo verdade, será mais uma das muitas perdas lastimáveis da música instrumental Brasileira.

Aqui está um vídeo da Regina Weissman, para quem quiser conhecer um pouco do seu trabalho. Lembrar de parar antes o player da Rádio Chapada do Araripe, logo na entrada do Blog:



Abraços,

Dihelson Mendonça

Crato - Iniciadas melhorias no Sítio Fundão

Patrimônio cultural

Clique para Ampliar

Maquete da casa de taipa situada no Sítio Fundão, que será transformada em centro de visitação (Foto: Antônio Vicelmo)

Projeto de restauração do Sítio Fundão foi apresentado ontem pela Semace, em novo escritório no Cariri

Crato. Iniciada a construção da cerca de proteção do Sítio Fundão, uma área de 93 hectares, que foi comprado pelo Governo do Estado, por R$ 2 milhões, para ser transformada em parque ecológico. O projeto, elaborado pelo arquiteto Alexandre Lacerda Landim, foi apresentado ontem pelo superintendente da Semace, Herbert Vasconcelos, durante reunião realizada no auditório da Coordenadoria Regional de Saúde do Crato ( 20ª Cres ), com a presença de ambientalistas e representantes de órgãos ligados ao meio ambiente.

A Semace, segundo Herbert, dispõe de mais R$ 1 milhão para execução do projeto que contempla a nova sede do escritório da Semace-Cariri, uma unidade da Companhia de Policiamento do Meio Ambiente (CPMA), além da restauração do engenho velho e da casa de taipa com um pavimento que será transformado em um centro de visitação, guardando a memória do ambientalista Jéferson de Franca Alencar, antigo proprietário do Fundão.

A construção imediata da cerca atende a um pedido dos ambientalistas que enviaram ofício ao governador Cid Gomes, advertindo que o sítio estava sendo devastado pelos moradores das proximidades com a retirada de madeira. Nesta semana, além de um princípio de incêndio, foi registrado o roubo de parte da fiação de alta tensão que passa por dentro da área ambiental.

De acordo com o projeto, o engenho de pau, desativado a 50 anos e puxado a bois, será restaurado. A casa de taipa será transformada em centro de visitação. A idéia, segundo o superintende da Semace, é fazer do Fundão um centro de estudos do ecossistema regional. A reforma começa pela entrada do parque, onde será erguido um portal de madeira com uma placa e o nome: “Parque Estadual do Sítio Fundão”.

No dia 14 de março passado, o Governo do Estado criou o Parque Estadual do Sítio Fundão, uma área de 93,520ha em unidade de conservação de proteção integral, conforme o Decreto Estadual 29,179. O sítio faz parte do Geotope Batateiras, do Geopark Araripe, que é outra ação de preservação ambiental da Bacia Sedimentar do Araripe.

Reportagem: Antonio Vicelmo
Fonte: Jornal Diário do Nordeste

.