25 agosto 2008

Geraldo Junior e Banda em Teresina!


Oi pessoal! Se vocês são de Teresina ou têm algum amigo por lá, pedimos por gentileza que ajudem a divulgar essa nossa apresentação! Gratos!

Geraldo Junior e Banda no Teresina Shopping, dia 26/08 às 21hs.

Estaremos apresentando o show de lançamento do CD"Calendário (O Tempo e o Vento)", dentro do projeto "Armazém de todos os sertões".

Geraldo Junior - Voz e Flauta
Antônio Queiroz - Baixo
Flauberto Gomes - Zabumba e voz
Ranier Oliveira - Sanfona e voz
Beto Lemos - Viola, violão e voz
Francisco Gomide - Percussões

Contamos com a sua presença!

Abraços

A Responsabilidade legal é da pessoa que posta, não do Blog do Crato !

Atenção,

Todos os tópicos e Comentários escritos no Blog são de inteira responsabilidade daquele que postou. O Blog do Crato se isenta de quaisquer responsabilidades legais sobre o teor desses comentários. Não amparamos criminosos, nem aqueles que desrespeitam a lei. Muito pelo contrário. Portanto, muito cuidado com aquilo que postam, pois a responsabilidade é toda de vocês mesmos!

Dihelson Mendonça


.

POLÍTICA - Atenção - Comentários tendenciosos a qualquer candidato não serão aceitos!

IMPARCIALIDADE

Olá, Pessoal,

As últimas discussões sobre a recente pesquisa realizada pelo IBOPE levou alguns comentaristas a se exaltarem, e manifestarem suas tendências políticas. Sendo que nem eu nem ninguém sabe dizer ao certo até que ponto vai a liberdade de expressão do cidadão aqui na internet nesse tempo de política e temendo as duras represálias e multas da Justiça eleitoral, eu conclamo todos no sentido de que se abstenham de entrar em discussões defendendo esse ou aquele candidato. E as recentes postagens de comentários serão apagadas terminantemente deste website. Já solicitei ao promotor Elder Ximenes através de e-mail, no recente Blog contra a corrupção, instruções de como devemos proceder nesses duros tempos para tentar discutir os rumos da nossa cidade sem ferir os princípios legais.

Atenciosamente,

Dihelson Mendonça
.

Criado Comitê de Combate à Corrupção

Clique para Ampliar

Promotor de Justiça, Elder Ximenes, reuniu entidades para combater a compra de votos (Foto: ANTÔNIO VICELMO)

Foi criado um blog com o objetivo de possibilitar a comunicação entre os voluntários integrantes do Comitê

Crato. “Bote um corrupto para correr. Voto não tem preço. Tem conseqüências”. Com este apelo publicitário foi criado, no município do Crato, o Comitê de Combate à Corrupção Eleitoral. A iniciativa é da juíza eleitoral, Geritza Montezuma, e do promotor de Justiça, Elder Ximenes, que reuniram representantes de todos os segmentos da sociedade, igrejas, universidades, associações comunitárias, sociedades de bairros e emissoras de rádio. O objetivo do encontro foi para trocar informação e articular ações para desbaratar os esquemas de compra de votos e, também, atos atentatórios a probidade administrativa. Ao mesmo tempo, foi criado um blog que tem como objetivo possibilitar a melhor comunicação entre os voluntários integrantes do Comitê de Combate à Corrupção Eleitoral.

Na última semana, começou a campanha educativa com a divulgação de jingles nas emissoras de rádio, apresentação de peças teatrais e palestras nos bairros conscientizando sobre a importância do voto.

“Numa democracia, como ocorre no Brasil, as eleições são de fundamental importância, além de representar um ato de cidadania”, diz o advogado Geraldo Correia Braga, representante da Missão Resgate e da Rádio Educadora do Cariri e membro do Comitê de Combate a Corrupção.

Ele adverte que “as eleições possibilitam a escolha de representantes e governantes que fazem e executam leis que interferem diretamente em nossas vidas”. Escolher um péssimo governante, segundo Geraldo, pode representar uma queda na qualidade de vida. “Sem contar que são os políticos os gerenciadores dos impostos que nós pagamos. Assim, precisamos dar mais valor a política e acompanharmos com atenção e critério tudo que ocorre em nossa cidade, Estado e País”.

Mais informações:
Blog
boteocorruptopracorrer.blogspot.com


Reportagem: Antonio Vicelmo - Para o Jornal Diário do Nordeste


Nota do Blog do Crato:

Prezados Senhores,

Venho por meio desta vos parabenizar pela excelente idéia da criação do Comitê de Combate à Corrupção, que é um ato extremamente louvável, principalmente aqui no Crato onde há campanhas milionárias, e onde provavelmente alguns irão tentar fazer compra de votos.

Estão de parabéns o promotor Elder Ximenes e a Juíza Geritsa Montezuma.

Dihelson Mendonça
- Administrador do Blog do Crato -
.

Radiodifusora presta serviço à comunidade

Clique para Ampliar

Toinho instalou a amplificadora, computador, microfone e alguns CDs na sala da sua casa (Foto: ANTÔNIO VICELMO)

No distrito de Ponta da Serra, localizado no município do Crato, uma amplificadora resiste aos tempos modernos

Crato. “Prezado ouvinte, bom dia. Com este prefixo musical entra no ar a RPS, Radiodifusora Ponta da Serra, com o compromisso irredutível de defender o útil, o bem e a verdade, rogando a Deus que nos ilumina e nos dê sabedoria para divulgar a cultura de nossa comunidade. Que a paz do Senhor esteja convosco”. Com esta saudação, tendo como fundo musical o hino oficial de Ponta Serra, o locutor Antônio Correia Lima, conhecido por “Toinho”, quebra o silêncio do povoado, localizado a 20km do Crato.

A partir de então, a comunidade começa a se movimentar ao som de músicas, avisos e mensagens. É a velha amplificadora que, nas décadas de 40 e 50, representava o único meio de comunicação eletrônico das cidades do Interior. Com a chegada das emissoras de rádio, na década de 60, a televisão em 70 e a “febre” das rádios comunitárias, a partir de 80, as amplificadoras, difusoras ou radiadoras foram sucateadas.

A voz romântica dos locutores de estúdio, que ofereciam músicas para os ouvintes, foi abafada pelos estridentes carros de som. Os moradores dos vilarejos do Interior já não se sentam mais nos bancos da pracinha para ouvir mensagens musicais. A televisão acabou o fascínio das amplificadoras.

Na contramão da história dos meios de comunicações, que tiveram origem na velha amplificadora, embrião das emissoras de rádio, a radiodifusora de Ponta da Serra nasceu da idéia frustrada de colocar em funcionamento uma rádio comunitária: a Rádio Ponta da Serra, que funcionou durante alguns meses e terminou fechada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Diante das exigências legais para manter uma emissora comunitária, o técnico Toinho resolveu instalar uma amplificadora. Compraram um amplificador Delta, com 100 watts de potência, um velho computador, um microfone e alguns CDs e instalou o equipamento na sala da frente de sua casa, na Rua Monsenhor Assis Feitosa, 33, em Ponta da Serra.

Dali, ele transmite música, mensagens, avisos e aniversários para 12 caixas de som espalhadas em pontos estratégicos do povoado. “É uma prestação de serviço à comunidade”, diz o advogado Francisco Dionísio Alves.

A radiodifusora de Toinho funciona conforme os hábitos e costumes da comunidade. Não é ligada, por exemplo, ao meio dia, porque é a hora da madorna, o sono do almoço. Também a desligada à noite para não incomodar quem dorme cedo.

No mesmo ritmo lento, quase parando, é o sistema de manutenção da amplificadora. Toinho cobra apenas R$ 5,00 por anúncio. Com esta tabela ele consegue quase um salário mínimo por mês. É o suficiente para alimentar o sonho de possuir uma amplificadora. “Os avisos de morte e convite enterro são de graça”, diz ele, que justifica que é uma forma de ser solidário com a família.

Jornal

Com este orçamento mensal, (menos de R$ 400,00) ainda sobra dinheiro para editar o jornal “Ponta da Serra”, distribuído gratuitamente. O jornal mensal é impresso numa gráfica de Juazeiro por R$ 150,00 e tem tiragem de 500 exemplares.

O maior pagamento, segundo Toinho, é a satisfação de realizar um trabalho útil de prestação de serviço à comunidade. Separado da mulher, pai de 3 filhos, ele diz que preenche o vazio de sua vida com estes instrumentos de comunicação. O jornal lhe deu ânimo para fazer supletivo e ingressar no curso de História da Universidade Regional do Cariri.

O comunicador sertanejo mora sozinho numa casa ornamentada com santos e equipamentos eletrônicos. Mesmo curtindo a solidão voluntária de um solteirão, ele abriu o seu coração para a sua comunidade. O som que ecoa no povoado, através das caixas de som, é a voz contida de homem tímido, que não tem coragem de se apresentar em público.

Antônio Vicelmo
Repórter


FUNÇÃO

"A amplificadora do Toinho é uma maneira de ajudar a comunidade de várias formas"
Dionísio Alves
Advogado

Mais informações:
Radiodifusora de Ponta da Serra
Rua Monsenhor Assis Feitosa, 33
Distrito de Ponta da Serra, no município do Crato
(88) 3523.9153

Por: Antonio Vicelmo - Jornal Diário do Nordeste
.