27 julho 2008

Notícias da Semana no Cariri - Coluna Tarso Araújo - Jornal "O Povo".


As Notícias da Semana no Cariri

AR PURO

O Sesc encerrou o projeto Pauta Contemporânea com o show de lançamento do CD Ar Puro, do gaitista carioca Jefferson Gonçalves, no Teatro do Sesc Crato. O projeto se deu no Cariri, desde o último dia 19, com oficinas, conversas, experimentações e apresentações; com toda a programação gratuita.

EDUCAÇÃO
Acontece entre os dias 30 e 1º de agosto o Congresso de Educação do Cariri, em Juazeiro do Norte, Ceará. O evento pretende reunir profissionais da área de educação, psicólogos e psicanalistas de várias cidades nordestinas. Segundo os organizadores do Congresso, mais de 1.500 pessoas, de 120 cidades nordestinas, já estão inscritas no evento. Deste total, 64,7% dos inscritos são do Ceará, 13,3% do Piauí, 12,5% de Pernambuco, 9,8% da Paraíba e os outros 1,4% são da Bahia, Rio Grande do Norte e Alagoas.

EXPOCRATO I
Uma reclamação que vem do movimento estudantil. Durante a Expocrato 2008 não se respeitou o direito à meia entrada nos eventos culturais. Uma lei municipal, aprovada pela Câmara do Crato, não valeu de nada para a empresa que organizou os shows no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti.

EXPOCRATO II
Ventilou-se após a Expocrato que o promotor de Justiça Leitão Moura estaria renunciando à presidência da comissão gestora da exposição. A verdade é que, como é tradição, haverá eleição do novo coordenador da Expocrato 2009. Leitão Moura vai, mais uma vez, colocar seu nome à disposição dos membros da comissão gestora.

ANOTE: QUALIDADE NO TURISMO
Já no final da Expocrato, o Sebrae Crato lançou um programa que tem tudo a ver com a região. O programa Excelência na Qualidade quer capacitar os setores produtivos que têm ligação direta com o turismo. Bares, restaurantes, hotéis e motéis estão entre as empresas que deverão passar por um intenso processo de capacitação. A idéia é acolher bem, atender de forma legal a todos os turistas. O programa já está funcionando em algumas cidades do Cariri, mas deve chegar a todas em breve.

INFÂNCIA
Um programa que deve ser divulgado em todas as emissoras de rádio do Ceará e até do Brasil. É produzido aqui no Ceará, pela ONG Catavento, o programa Sintonia Infância. Com cerce de 10 a 15 minutos, o programa fala do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e das experiências exitosas voltadas para a proteção de crianças e adolescentes. Os direitos devem ser garantidos, é papel da imprensa também colaborar. Aqui no Cariri, a Rádio Araripe AM do Crato transmite o programa todos os domingos.

TEATRO
Grupo teatral Estrelarte, que este ano comemorou 10 anos na estrada, alegrando o Cariri com seu belíssimo trabalho.

PATRIMÔNIO
Praça Siqueira Campos, em Crato, local histórico e que hoje é parte do coração da cidade de Bárbara de Alencar.

FUTEBOL
Empresário Zacarias Silva, presidente do Icasa, em dia de casa cheia. Verdão vai bem na Série C do campeonato brasileiro.

BATE-PAPO

RECLAMAÇÃO
Estudantes dos cursos de Artes Visuais e Teatro, da Universidade Regional do Cariri (Urca) estão fazendo um movimento para que a universidade dê início às aulas do primeiro semestre destes dois cursos. O vestibular foi feito em fevereiro deste ano e até agora as aulas não começaram. Em todos os outros cursos de graduação, as aulas deste semestre tiveram início em 19 de maio.

TURISMO
O turismo religioso em Juazeiro do Norte não pára. Independente do período, mesmo que não esteja acontecendo uma romaria, chegam na terra de padre Cícero pesquisadores e romeiros para ver de perto os locais santos da cidade. O turismo religioso poderia, além de Juazeiro, chegar a outras cidades da região, mas para variar falta iniciativa dos setores públicos e privados para montar uma estratégia que possa acolher mais turistas fora dos períodos das romarias.

FETECC
A Feira de Tecnologia de Calçados (Fetecc) deve movimentar recursos consideráveis agora no mês de agosto. Considerada atualmente uma das mais importantes do setor calçadista. Mostra a força do setor no Cariri.

TRABALHO
Djalma Sobreira Filho, juiz da 1ª Vara do município do Crato, aniversariou este mês de julho. A este colunista, informou que em breve o Crato terá construída sua nova cadeia pública.

Cariri - Missão de Monjas é Orientar... - Hoje, no DN

Clique para Ampliar

As monjas beneditinas realizam um trabalho de aconselhamento junto à comunidade, exercido dentro do Mosteiro de Nossa Senhora da Vitória (Foto: ELIZÂNGELA SANTOS)

Juazeiro do Norte. Este era um dos lugares que menos se pensava em instalar um mosteiro de monjas beneditinas. E foi exatamente para a terra do Padre Cícero que elas vieram. O mosteiro em Sergipe, uma edificação histórica de mais de 300 anos, já não dava mais condições de permanência, pela precariedade do velho prédio. A missão de orientar e dar acolhimento aos que procuram o mosteiro continua e é lá que as monjas permanecem até um dia morrer.

Também é desenvolvido um projeto para meninas carentes da área, “Construindo a Paz”, onde aprendem um ofício e participam dos momentos de oração. Uma delas, Irene da Silva Barbosa, de 11 anos, destaca a importância do valor da família, que veio conhecer com mais clareza dentro do mosteiro e isso fez com que tivesse uma proximidade maior dos seus pais, além de se sentir mais de Deus. São diversas as situações em que a comunidade vê nas irmãs conselheiras. Um local onde está presente o silêncio e uma aura de paz.

No bairro Tiradentes I, as religiosas de clausura, ou contemplativas, sobrevivem do próprio trabalho. Seguindo orientação de São Bento, os monjes deveriam encontrar no mosteiro o seu sustento. Vários produtos podem ser encontrados na lojinha como os biscoitos bricelet, sabonetes com mensagens à prova d´água, velas para altar e ornamentações, pão de São Bento, sorvetes, entre outros produtos. Os horários de aconselhamento, entrada na lojinha e visitas são reservados. Das 8h30 às 11 horas e das 14 horas às 16 horas. Só não há atendimento nos momentos de celebrações.

Elas acordam cedo. Às 4h30 já estão de pé, em atividade, na vigília. O ambiente de trabalho e vivência é privativo. A clausura passa a ser a essência da prova de amor ao Cristo. A alegria das 18 mulheres é visível. Madre Maria Aparecida Menezes Couto afirma que, desde o momento que chegou a Juazeiro, obteve muitas bênçãos. O que antes as pessoas achavam que não iria ser bom, um lugar no meio do sertão, passou a ser o oásis. Logo surgiu o espaço de construção, auxílio financeiro de países como a Alemanha, França e Holanda. Tudo foi edificado em menos de dois anos. Mas, antes, as monjas vieram para o município e ficaram hospedadas em uma chácara.

Em 2001, o bispo diocesano dom Fernando Panico abriu as portas para as religiosas. O local onde foi construído o mosteiro em Juazeiro, antes desabitado, hoje é um bairro formado, mas a aura de silêncio em torno do local é constante. A meta agora é poder construir a igreja, dentro do terreno. Os recursos ainda são escassos, mas já houve o lançamento da pedra fundamental. Mais um local para a comunidade.

A vida monástica requer uma vocação e ao longo da vivência que é experimentada durante o noviciado, a postulante passa a ser observada e também faz uma avaliação se pode responder ao chamado. A irmã Carla Silva Santos, do Rio Grande do Sul, há 13 anos optou pela vivência. O que a encantou no começo foi o ofício divino, a oração e depois disso decidiu conhecer melhor o mosteiro e foi descobrindo com isso o chamado da vida contemplativo, de amor mais próximo a Deus. “A nossa missão específica é a oração e levamos a todas as pessoas que estão sofrendo, para que consigam o que tanto almejam. Somos a igreja em oração”, diz ao definir a oração, trabalho e acolhimento como a vida que escolhera. Ela define a clausura como um “sacrifício de amor”. Na família se pode ter a clausura, mas no caso do mosteiro é um encontro “específico e especial com Deus”.

A madre Aparecida define a escolha de Juazeiro como o plano de Deus, mas existiam outras propostas e o primeiro lugar a ser visitado foi a terra do “Padim”. “Fomos aconselhadas a pensar em outro lugar tendo em vista a condição em que nos encontrávamos, por conta dos riscos para a saúde das irmãs. O que não conseguimos em 20 anos em São Cristóvão, obtivemos aqui, por uma bênção muito especial”, conta.

Além do prédio, os doadores de outros países repassaram a mobília do local. As religiosas receberam visitas dos doadores, que ficaram satisfeitos com o resultado do que viram, não só no mosteiro, mas em Juazeiro do Norte. O espírito missionário está dentro de tudo que é feito pelas religiosas.

ELIZÂNGELA SANTOS
Repórter

SACRIFÍCIO

"A clausura é um ´sacrifício de amor´. Nossa missão é a oração e levamos a todas as pessoas"
Carla Silva Santos
Irmã

SAIBA MAIS

Mosteiro
Uma escola de serviço ao senhor, conforme definição de São Bento. E um grande monge, Thomas Merton, que marcou a espiritualidade no século XX.

Monjas Beneditinas
Mulheres que sentiram o apelo de Cristo, para buscá-lo com exclusividade numa forma de vida consagrada, vivida com base na oração e no trabalho, no silêncio, na solidariedade, na alegria e na paz.

Fundação
O Mosteiro de Nossa Senhora da Vitória foi fundado em 21 de novembro de 1982, na cidade histórica de São Cristóvão, em Sergipe, pelo Mosteiro de Nossa Senhora do Monte, e transferiu-se para Juazeiro do Norte em 13 de maio de 2003.

Mais informações:
Mosteiro de N. Senhora da Vitória
Monjas Beneditinas
R. Damião Pereira da Silva, 100
(88) 3572.0272
mnsvitoria@bol.com.br


Reportagem de Elizângela Santos - Fonte: Jornal Diário do Nordeste

.

Companhia Taba de Pirulito fará apresentação Hoje, Domingo dia 27 no Teatro Municipal.

Segue anexo umas fotos da Companhia Taba de Pirulito
Se possível vejam uma cobertura do evento
Domingo dia 27/07/08
18:30h- Teatro Municipal Alexandre Arraes (Calçadão -Crato)





Fotos: Divulgação

.

Futebol - Por: Amilton Silva

A rodada final que definirá os seis clubes que participarão do hexagonal do Cearense da segunda divisão, será realizada domingo dia 27 com cinco jogos.No hexagonal o campeão e vice respectivamente se classificarão para a elite do futebol cearense de 2009.Ja os dois clubes de pior campanha no certame, farão parte da terceira divisão do cearense 2009.

Jogos da rodada final:

Crato X Limoeiro
Maranguape X Maracanã
Tiradentes X Barbalha
São Benedito X Itapajé
Guarany X Trairiense.


Ontem(25) a série B do Brasileirã foi movimentada com os jogos:

Santo André 4 X 0 Juventude
Bahia 2 X 2 Bragantino
Marilia 4 X 2 Fortaleza
Ceará 1 X 0 São Caetano

Cartas dos Leitores - Por Carlos Pontes

A melhor exposição do Crato é o seu charme


Caríssimo Dihelson,
Abraços fraternos.
Acredito que a melhor "exposição" do Crato seja mesmo o seu charme. Senão, vejamos: uma cidade musical, poética, clássica e popular, histórica e moderna, discreta e festeira, acolhedora e que sempre super valoriza a cultura. Uma cidade dessa têm amor pra dar e vender, não é mesmo?
Sou filho natural de Juazeiro do Norte, amo tudo de minha terra mas Crato sempre abalou meu coração. Isso é desde tempos remotos. Aliás, nem tão remotos assim.
Quem consegue ver o Crato com olhos de contemplação sabe do que eu estou falando.
Abraços,
Carlos Pontes
Fortaleza-Ce.