08 julho 2008

TRE-SP anula multa contra Folha de São Paulo por entrevista com Candidato

Folha de S.Paulo

Por unanimidade, o TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral) acolheu recurso e revogou a decisão de primeiro grau que multou a empresa Folha da Manhã e Marta Suplicy (PT) em R$ 21,2 mil, por entender que houve propaganda antecipada em uma entrevista concedida pela petista à Folha.

O TRE também cancelou por unanimidade multa contra a Editora Abril, por entrevista à revista "Veja São Paulo".

Segundo o relator do recurso movido pela Folha, desembargador Walter de Almeida Guilherme, as questões citadas na sentença de primeiro grau ficaram "prejudicadas" após o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) publicar uma nova resolução, modificando a disposição sobre propaganda eleitoral que deu margem para as ações contra veículos de comunicação.

Os ministros do TSE revogaram o artigo 24, que proibia os pré-candidatos de "expor propostas de campanha" antes do início da campanha, e criaram um novo artigo que diz: "Os pré-candidatos e candidatos poderão participar de entrevistas, debates e encontros antes de 6 de julho de 2008".

Após o voto do relator, o juiz Paulo Octávio Baptista Pereira fez questão de dizer que também votaria pela retirada da multa mesmo sem a nova resolução do TSE.

A entrevista de Marta à Folha foi publicada no dia quatro de junho e à "Veja São Paulo", na edição de 4 a 11 de junho.

A representação contra a Folha e a ex-prefeita foi movida por quatro promotores eleitorais de primeira instância, que entenderam que a entrevista era irregular, pois abordava propostas de campanha da petista, o que colocaria Marta Suplicy em posição de vantagem em relação aos demais candidatos ao cargo.

Francisco Carlos Shintate, juiz auxiliar da 1ª Zona Eleitoral, concordou com os promotores e, por esse motivo, condenou o jornal e a ex-prefeita ao pagamento de multa.

"A decisão do TRE era esperada diante da nova resolução do TSE. De qualquer maneira, jamais existiu fundamento jurídico para a aplicação da multa decidida pelo juiz de primeira instância e não há na legislação eleitoral nenhum impedimento para que jornais realizem entrevistas em qualquer época com candidatos e pré-candidatos", disse o advogado da Folha, Luís Francisco Carvalho Filho.

Entidades

A decisão foi elogiada por especialistas e entidades de imprensa. "É uma vitória da liberdade de imprensa. Por isso, é importante que seja uma decisão unânime", disse o advogado Eduardo Muylaert.

"Prevaleceu o bom senso e espero que a decisão do TRE sirva como balizador para que esse tipo de ação não se repita. Houve uma tentativa de engessar o jornalismo, o que traria grave prejuízo principalmente para o cidadão", afirmou Sergio Murillo, presidente da Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas).

A ANJ (Associação Nacional de Jornais) afirmou, por meio da assessoria de imprensa, que a decisão "recolocou a questão no devido lugar".

"Não havia porque considerar as entrevistas com a então pré-candidata Marta Suplicy como propaganda eleitoral. As entrevistas eram jornalismo e não havia porque aplicar uma multa", afirmou a ANJ.

Fonte: Jornal Folha de São Paulo.

Porque temos que sustentar os políticos? - Por Tiago Viana


Isso mesmo, porque temos que bancar os políticos? Não acha muita mordomia dar suporte financeiro a esta cambada de destruidores do bem público? Amparar gabinetes e seu pool de benefícios, férias duas vezes ao ano, carro, motorista e gasolina para queimar, casa para morar, nem telefone pagam, além de todos os benefícios ditos “lícitos” ainda existem os recursos desviados pela malandragem exacerbada dos políticos marginais.

Porque temos mesmo que sustentar financeiramente este grupo de aproveitadores que se dizem aptos a representar o povo? Você se sente representado por eles? Então porque ainda os sustenta? O pior é que bancamos o império, os seus reinados, e em troca somos roubados constantemente (diariamente) por aqueles que dizem representar eu e você. É muita cara de pau, muita coragem dos imbecis de papo bom.

É por isso que os sabidinhos da corte, que vivem a nossa custa, em períodos de eleições adentram em suas trincheiras para se preparar para a guerra campal da conquista dos bobos eleitores. Militantes, agências de publicidades e os próprios políticos trocam ameaças, baixam o nível do discurso que deveria ser o profundo questionamento eleitoral, a justiça libera candidatos com fixa suja a disputar o cargo público, políticos trocam acusações pessoais, e às vezes entram no conflito físico, levando até a morte corporal. Esta desordem toda, do tudo vale para vencer, é para ganharem a prioridade de serem sustentados por nós, tornarem-se reis no seu reinado municipal, estadual ou federal. Cambada de cupim do bem coletivo isso sim.

Qual o princípio racional que sustenta esta marginalidade toda? Que faz os cidadãos participarem fervorosamente de campanhas eleitorais, faz os jornalistas se “prostituirem” ao apoiar este ou aquele candidato, os candidatos a comprarem os votos dos prostitutos eleitores, os juízes e promotores a fechar os olhos? E a prostituição dominar toda incumbência humana. Que princípio é este que dar sustentabilidade a este crime que perpetua na humanidade que afirma ser democrática?

A Lei, a Lei que criamos para conduzir o sistema nos interesses de quem detém o poder econômico. As Leis conduzem toda esta contaminação. Poderiam conduzir com mais responsabilidade social, no entanto, conduz com a responsabilidade financeira. Entretanto, esta bandidagem sobre os recursos públicos só funciona mesmo porque todos nós contribuímos para isso participando, ativamente ou passivamente, do pleito eleitoral. Ache bom ou ruim é isto!


By Tiago Viana™ .
Por: RastreadoreS de ImpurezaS

O Supremo Palhaço da Criação

A velha noção antropomórfica de que todo o universo se centraliza no homem – de que a existência humana é a suprema expressão do processo cósmico – parece galopar alegremente para o baú das ilusões perdidas. O facto é que a vida do homem, quanto mais estudada à luz da biologia geral, parece cada vez mais vazia de significado. O que no passado deu a impressão de ser a principal preocupação e obra-prima dos deuses, a espécie humana começa agora a apresentar o aspecto de um sub-produto acidental das maquinações vastas, inescrutáveis e provavelmente sem sentido desses mesmos deuses.
(...) O que não quer dizer, naturalmente, que um dia a tal teoria seja abandonada pela grande maioria dos homens. Pelo contrário, estes a abraçarão à medida que ela se tornar cada vez mais duvidosa. De fato, hoje, a teoria antropomórfica ainda é mais adoptada do que nas eras de obscurantismo, quando a doutrina de que um homem era um quase Deus foi no mínimo aperfeiçoada pela doutrina de que as mulheres inferiores. O que mais está por trás da caridade, da filantropia, do pacifismo, da “inspiração” e do resto dos atuais sentimentalismos? Uma por uma, todas estas tolices são baseadas na noção de que o homem é um animal glorioso e indescritível, e que sua contínua existência no mundo deve ser facilitada e assegurada. Mas esta idéia é obviamente uma estupidez.
No que se refere aos animais, o mesmo num espaço tão limitado como o nosso mundo, o homem é tosco e ridículo. Poucos bichos são tão estúpidos ou cobardes quanto o homem. O mais rafeiro dos cães tem sentidos mais agudos e é infinitamente mais corajoso, para não dizer mais honesto e confiável. As formigas e abelhas são, de várias formas, mais inteligentes e engenhosas; gerem os seus sistemas de governo com muito menos confusões, desperdícios e imbecilidades. O leão é mais bonito, digno e majestoso. O antílope é infinitamente mais rápido e gracioso. Qualquer gato doméstico comum é mais limpo. O cavalo, mesmo suado do trabalho, cheira melhor. O gorila é mais gentil com os seus filhos e mais fiel à companheira. O boi e o asno são mais produtivos e serenos. Mas, acima de tudo, o homem é deficiente em coragem, talvez a mais nobre de todas as qualidades. O seu pavor mortal não se limita a todos os animais do seu próprio peso ou mesmo da metade do seu peso - excepto uns poucos que ele degradou por cruzamentos artificiais -, o seu pavor mortal é também daqueles da sua própria espécie – e não apenas dos seus punhos e pés, mas até dos seus risos.

Nenhum outro animal é tão incompetente para se adaptar ao seu próprio ambiente. A criança, quando vem ao mundo, é tão frágil que, se for deixada sozinha por aí durante alguns dias, infalivelmente morrerá, e essa enfermidade congénita, embora mais ou menos disfarçada depois, continuará até a morte. O homem adoece mais do que qualquer outro animal, tanto no seu estado selvagem quanto abrigado pela civilização. Sofre de uma variedade maior de doenças e com maior frequência. Cansa-se ou fere-se com mais facilidade. Finalmente, morre de forma horrível e geralmente mais cedo. Praticamente todos os outros vertebrados superiores, pelo menos no seu ambiente selvagem, vivem e retêm as suas faculdades por muito mais tempo. Mesmo os macacos antropóides estão bem à frente dos seus primos humanos. Um orangotango casa-se aos sete ou oito anos de idade, constrói uma família de setenta ou oitenta filhos, e continua tão vigoroso e sadio aos oitenta quanto um europeu de 45 anos.

Todos os erros e incompetências do Criador chegaram ao seu clímax no homem. Como peça de um mecanismo, o homem é o pior de todos; comparados com ele, até um salmão ou um pássaro são máquinas sólidas e eficientes. O homem transporta os piores rins conhecidos da zoologia comparativa, os piores pulmões e o pior coração. Os seus olhos, considerando-se o trabalho a que são obrigados a desempenhar, são menos eficientes do que o olho de uma minhoca; o Criador de tal aparato ótico, capaz de fabricar um instrumento tão tosco, deveria ser surrado pelos seus fregueses. Ao contrário de todos os animais, terrestres, celestes ou marinhos, o homem é incapaz, por natureza, de deixar o mundo em que habita. Precisa de se vestir, proteger e armar-se para sobreviver. Está eternamente na posição de uma tartaruga que nasceu sem o casco, um cão sem pêlos ou um peixe sem barbatanas. Sem a sua pesada e desajeitada carapaça, torna-se indefeso até contra as moscas. E Deus não lhe concedeu nem um rabo para espantá-las.

Vou chegar agora a um ponto de inquestionável superioridade natural do homem: ele tem alma. É isto que o separa de todos os outros animais e o torna, de certa maneira, senhor deles. A exacta natureza de tal alma vem sendo discutida há milhares de anos, mas é possível falar com autoridades a respeito de sua função. A qual seria a de fazer o homem entrar em contacto direto com Deus, torná-lo consciente de Deus e, principalmente, torná-lo parecido com Deus. Bem, considere-se o colossal fracasso desta tentativa. Se presumirmos que o homem realmente se parece com Deus, somos levados à inevitável conclusão de que Deus é um cobarde, um idiota e um patife. E, se presumirmos que o homem, depois de todos esses anos, não se parece com Deus, então fica claro imediatamente que a alma é uma máquina tão ineficiente quanto o fígado ou as amígdalas, e que o homem poderia passar sem ela, assim como o chimpanzé, indubitavelmente, passa muito bem sem alma. Pois é este o caso. O único efeito prático de se ter uma alma é que ela infla no homem vaidades antropomórficas e antropocêntricas – em suma, com superstições arrogantes e presunçosas. Ele se empertiga e se empluma só porque tem alma – e subestima o fato de que ela não funciona. Assim, ele é o supremo palhaço da criação, o reductio ad absurdum da natureza animada.

Não passa de uma vaca que acredita dar um pulo à Lua e organiza toda a sua vida sobre esta teoria. É como um sapo que se gaba de combater contra leões, voar sobre o Matterhorn ou atravessar o Helesponto. No entanto, é esta pobre besta que somos obrigados a venerar como uma pedra preciosa na testa do cosmos. É o verme que somos convidados a defender como o favorito de Deus na Terra, com todos os seus milhões de quadrúpedes muito mais bravos, nobres e decentes – os seus soberbos leões, os seus ágeis e galantes leopardos, os seus imperiais elefantes, os seus fiéis cães, os seus corajosos ratos. O homem é o insecto a que nos imploram, depois de infinitos problemas, trabalho e despesas, a reproduzir.

Henry Mencken, in 'O Livro dos Insultos (1919)'

Eleições - Mudança na lei pode reduzir em 50% os candidatos com ficha suja.

Mudança na lei pode reduzir em 50% os candidatos com ficha suja, diz Demóstenes

Plantão | Publicada em 07/07/2008 às 20h29m
Adriana Vasconcelos - O Globo

BRASÍLIA.- O senador Demóstenes Torres (DEM-GO) está confiante na aprovação do projeto de lei complementar que torna mais dura a Lei de Inelegibilidades. O substitutivo apresentado pelo senador estabelece que qualquer condenação criminal, eleitoral ou por improbidade administrativa, ainda que apenas em primeira ou instância única, é suficiente para impedir uma pessoa de disputar uma eleição.

- Nossa expectativa inicial é que essa mudança poderá reduzir em 50% os candidatos com ficha suja. Representantes do TCU estimam que esse corte poderá chegar a 80% - prevê Demóstenes.

Atualmente, esse impedimento só ocorre após uma condenação em última instância. A expectativa é que a proposta seja votada nesta terça-feira, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.

Fonte: Jornal O Globo
.

Jornal do Vicelmo de Volta - Agora, Todos os dias, AO VIVO pelo Blog do Crato às 07Hs da manhã.

.

Atendendo a inúmeros pedidos, o Blog do Crato volta a apresentar o Jornal do Cariri - Com Antonio Vicelmo. O Blog do Crato tem quase todos os programas gravados desde Agosto de 2007, embora na página do programa só apareçam até dezembro/2007.

Com a nova estruturação da programação da nossa Rádio Chapada do Araripe - WebRadio, passamos a retransmitir a partir da Rádio Educadora do Cariri todos os dias. Mas é importante frisar que o Jornal é em tempo Real, ou seja, das 07:00 às 07:45 da Manhã.

Abraços,

Dihelson Mendonça
.

Parada Gay no crato - Do Jornal "O Povo" edição de Hoje, 08-07-2008

(Foto: AMAURY ALENCAR/ESPECIAL PARA O POVO)
Clique para ampliar foto
(Foto: AMAURY ALENCAR/ESPECIAL PARA O POVO)

"Viva a Diferença". Com esse tema, foi realizada ontem, a V Parada Gay da cidade do Crato, na região do Cariri. Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros (LGBT) percorreram ruas do centro da cidade, a partir das 16 horas, reivindicando, principalmente, o fim da homofobia, o respeito aos direitos humanos e à cidadania. André Lacerda, um dos organizadores, calculou em 10 mil o número de participantes. Houve protesto na rua Doutor Miguel Limaverde, em frente à casa onde morava o cabeleireiro Francisco Tércio assassinado há 192 dias. "Queremos justiça, basta de violência ", disse André Lacerda. Após a parada, houve o II Baile Gay, no Tênis Clube.

(Colaborou Amaury Alencar)

Fonte: Jornal: O Povo

Vote no Blog do Crato como um dos melhores Blogs do Brasil.

Clique no Link abaixo. Só o seu click já conta como um ponto.
Em breve divulgarei os resultados.

Ranking de Blogs


Blog do Crato - O Maior Site Multimídia da Região do Cariri.
O Crato na Internet.
.

POLÍTICA - Deu hoje no Jornal do Cariri - PSDB e DEM saem separados. Base aliada do governo dividida

PSDB e DEM saem separados. Base aliada do governo dividida

A disputa política do Crato vai se dar entre uma candidatura tucana, a do prefeito Samuel Araripe, e de duas candidaturas de nomes ligados ao atual Governo do Estado. O DEM (Democratas) saiu com chapa pura, com o advogado Pedro Neto.O ex-prefeito Walter Peixoto tem problemas com o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) devido a contas de sua gestão desaprovadas pelo TCM e pela Câmara Municipal. . Peixoto terá que conseguir na Justiça uma liminar concedendo o registro da candidatura. Caso não consiga, o nome da vez será o deputado estadual Sineval Roque (PSB), hoje aliado de Walter Peixoto. O acordo foi firmado antes da convenção do PSB do Crato, no último dia 28 de junho.

Fonte: Jornal do Cariri
.

Dia 30 de Julho a SAAEC realizará Provas do Concurso Público.

A Sociedade Anônima de Água e Esgoto SAAEC comunica aos candidatos inscritos no Concurso Público 02/2008, que as provas do mesmo serão realizadas no dia 30 de julho de 2008 (domingo) às 9h.É importante frisar que os locais de provas foram estipulados de acordo com os cargos. Os Candidatos concorrentes aos cargos de Operador de Bombas com números de inscrições compreendidas entre AC-001 e AC-0270, Eletricista, Pedreiro, Servente, Técnico em Edificações, Técnico em Eletromecânica, Técnico de Informática e Técnico em saneamento prestarão provas no Colégio Municipal Pedro Felício Cavalcanti, situado na Avenida Teodorico Teles n. 755, no bairro São Miguel. Os Candidatos concorrentes aos cargos de Operador de Bombas com números de inscrições compreendidas entre AC-0271 e AC-0636 e Motorista prestarão provas na Escola de Educação Infantil e Ensino 18 de Maio, situada na Avenida José Alves de Figueiredo n. 300, Centro. Os candidatos deverão comparecer aos locais de provas com uma hora de antecedência, ou seja, às 8h munidos de caneta esferográfica azul ou preta, comprovante de inscrição e documento de RG.

SAAEC

O Paradoxo do Nosso Tempo - George Carlin



O Paradoxo do Nosso Tempo

Nós bebemos demais, fumamos demais, gastamos sem critérios, dirigimos rápido demais, ficamos acordados até muito mais tarde, acordamos muito cansados, lemos muito pouco, assistimos TV demais e rezamos raramente.

Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores. Nós falamos demais, amamos raramente, odiamos freqüentemente. Aprendemos a sobreviver, mas não a viver; adicionamos anos à nossa vida e não vida aos nossos anos.

Fomos e voltamos à Lua, mas temos dificuldade em cruzar a rua e encontrar um novo vizinho. Conquistamos o espaço, mas não o nosso próprio.

Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores.

Limpamos o ar, mas poluímos a alma; dominamos o átomo, mas não nosso preconceito; escrevemos mais, mas aprendemos menos; planejamos mais, mas realizamos menos.

Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.

Construímos mais computadores para armazenar mais informação, produzir mais cópias do que nunca, mas nos comunicamos menos.

Estamos na era do 'fast-food' e da digestão lenta; do homem grande de caráter pequeno; lucros acentuados e relações vazias.

Essa é a era de dois empregos, vários divórcios, casas chiques e lares despedaçados.

Essa é a era das viagens rápidas, fraldas e moral descartáveis, das rapidinhas, dos cérebros ocos e das pílulas "mágicas".

Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na dispensa.

Uma era que leva essa carta a você, e uma era que te permite dividir essa reflexão ou simplesmente clicar 'delete'.

Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas não estarão por aqui para sempre. Por isso, valorize o que você tem e as pessoas que estão ao seu lado.

George Carlin

Foto de A. M. Catarino

BlogHumor - Funeral do Cardiologista

Funeral do cardiologista

Um CARDIOLOGISTA muito conhecido morreu. Seu funeral foi muito pomposo e muitos dos seus colegas médicos compareceram. Durante o velório, um enorme 'CORAÇÃO', rodeado de coroas de flores permaneceu atrás do caixão....Após as últimas palavras do padre, o coração se abriu e o caixão entrou automaticamente no enorme coração emocionando a todos os presentes. O coração então se fechou, levando no seu interior o famoso médico para SEMPRE... Um dos presentes explodiu na gargalhada, causando surpresa e indignação.

Questionado, por sua atitude e por que ria, ele explicou:

- Desculpem-me... Por favor, desculpem-me...É que eu estava pensando
como seria meu próprio funeral pois eu sou GINECOLOGISTA.
Nesse momento, o PROCTOLOGISTA desmaiou.

Enviado por: Letinho Guedes
.

Fóssil de Pterossauro é encontrado no Cariri


Clique para Ampliar

O Reitor Plácido Cidade Nuvens destaca o ineditismo do macrofóssil de pterossauro encontrado há 20 dias, em Santana do Cariri (Foto: Elizângela Santos)

Clique para Ampliar

Além do exemplar de pterossauro, também foram encontrados fósseis de peixes, fato incomum para o tamanho dos que foram achados

Clique para Ampliar

Pterossauros voadores já sobrevoaram os céus do Cariri, há milhões de anos. Este exemplar está exposto no Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri

O exemplar encontrado no chamado ´folhelo piro betuminoso´ será apresentado ao mundo no próximo mês

Santana do Cariri. Mais uma descoberta da paleontologia do Cariri para o mundo. O primeiro exemplar fóssil do mundo de um pterossauro encontrado no chamado “folhelo piro betuminoso” — uma prova da existência de petróleo de forma superficial — foi encontrado no Sítio Conceição, a dois quilômetros da sede de Santana do Cariri. O achado raro aconteceu há 20 dias. O que mais chama a atenção é por ser um macrofóssil. Os registros anteriores eram de formas microscópicas de peixes e insetos. Além desse exemplar, um outro de peixe grande com filhotes.

O material se encontra no Museu de Paleontologia de Santana do Cariri e, no próximo mês, será divulgado para o mundo científico, no primeiro Simpósio Nacional sobre atualidades da pesquisa paleontológica na Chapada do Araripe, a se realizar no município, na comemoração dos 20 anos do museu. No local, além de um rico acervo de mais de 10 mil peças de fósseis, se encontra a maior coleção de pterossauros do mundo.

As espécies voadoras de pterossauros que inspiraram o cineasta americano Steven Spielberg já sobrevoaram o céu do Cariri há milhões de anos. Réplicas desses bichos podem ser vistas no Museu. Foram reproduzidos a partir de estudos dos fósseis encontrados ao longo dos anos, no maior museu a céu aberto do período cretáceo do mundo. É assim que os paleontólogos descrevem com entusiasmo a região do Cariri.

Um dos estudiosos no assunto, já tendo seu nome registrado em três raros exemplares fósseis, o reitor da Universidade Regional do Cariri (Urca), Plácido Cidade Nuvens, explica a existência até o momento de dois tipos de formações fósseis. Um deles na concreção calcária, a partir da lama de água doce e, onde já foram encontrados insetos, os pterossauros e tartarugas. O outro, a formação santana. Nesse, a característica maior está voltada para os fósseis de origem marinha. São os peixes de água salgada. Também já foram encontrados nessa formação peixes, tartarugas e pterossauros. Esse material pode ser visto em rochas mais endurecidas.

“A grande novidade está na transição do lacustre para o salgado”, diz Plácido Cidade. O achado na mina de gesso do Sítio Conceição dará uma visibilidade maior para os estudos que já são realizados na região na área paleontológica.

Mostra claramente a existência, segundo o reitor Plácido, de petróleo na forma superficial na região, por isso o endurecimento. Se fosse de forma profunda, afirma ele, seria possível encontrar petróleo no subsolo do Cariri. Era a redenção do rincão caririense.

As peças do primeiro achado de macrofósseis que se tem registro no mundo, de acordo com o professor Plácido, serão encaminhada para estudos. O fóssil de pterossauro, onde estão presentes pedaços de ossos das pernas do animal, será estudando por uma das maiores autoridades no assunto do mundo, o paleontólogo Alex Kellner, que já fez a classificação de exemplares raros como o Santanaraptor placidus kellner, realizada no final dos anos 90. O animal tem cerca de 110 milhões de anos.

Os cuidados são essenciais com o material. A supervalorização dos fósseis da Chapada do Araripe é hoje de conhecimento mundial. Muitas espécies raras se encontram em museus da Europa e dos Estados Unidos, material contrabandeado, e até podem ser vistas à venda da internet. Um desses casos chamou a atenção do país. O crânio de uma espécie de pterossauro, em perfeito estado, que estava sendo comercializado por R$ 1,2 milhão. Saiu também de forma ilegal do Brasil. O espécime foi extraído da formação Santana, um conjunto de rochas sedimentares na chapada. Está sendo anunciado pelo site americano PaleoDirect, de Altamonte Springs (Flórida). A forma de anúncio mostra o mercado atrativo: “Sua fonte direta de finos espécimes fósseis e artefatos do homem primitivo”.

SAIBA MAIS

Jazidas

Formada há mais de 130 milhões de anos, quando o mar invadiu o sertão e formou grandes lagunas, a Chapada do Araripe é uma das principais jazidas de fósseis do planeta. Essa bacia sedimentar, que contém duas formações rochosas (Santana e Crato), é um dos únicos 40 lugares do planeta que concentram fósseis em grande quantidade e excelente estado de conservação. Essas regiões são chamadas ´Lagerstätten´ (´lugares de armazenagem´), janelas raras para a história da vida na Terra.

Concentração

Na formação Santana, especialmente no seu membro Romualdo (camada de 110 milhões de anos), se concentram os pterossauros. Há, ainda, peixes, tartarugas, crocodilos e dois dinossauros.

CHAPADA DO ARARIPE

Simpósio debaterá principais descobertas

Santana do Cariri. A comemoração dos 20 anos da inauguração do Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri, em Santana do Cariri, contará com o primeiro Simpósio Nacional sobre atualidades da pesquisa paleontológica na Chapada do Araripe. Estarão presentes ao evento as maiores autoridades nos estudos da paleontologia. A idéia é debater as principais descobertas, a riqueza existente do material da Chapada do Araripe e, também, os novos rumos a tomar.

O Simpósio sobre atualidades será realizado dos dias 27 a 29 de agosto de 2008. Alex Kellner, um dos maiores estudiosos de pterossauros do mundo, além de Diógenes Almeida Campos, do Departamento Nacional de Proteção Mineral (DNPM), estarão presentes. As descobertas mais recentes de pesquisas na área serão abordadas durante o evento.

Há 20 anos, a história da Paleontologia na Chapada do Araripe tomou um novo rumo. Era inaugurado o Museu de Paleontologia de Santana do Cariri. Hoje, são milhares de peças pertencentes ao museu. Cinco mil delas estão em exposição. A outra parte será organizada após uma ampla reforma a ser iniciada nos próximos meses, envolvendo também uma modernização do museu.

O Museu de Paleontologia foi doado à Urca, mediante um Contrato de Comodato. Em seguida, em 1998, houve a doação definitiva do Museu pela Prefeitura, com a devida aprovação da Câmara Municipal. Até hoje mais de 190 mil visitantes estiveram no Museu, numa cidade que tem apenas cerca de 7 mil habitantes.

Hoje, detém um precioso acervo de aproximadamente 10 mil peças fósseis, entre os quais todos os peixes já descritos da paleoictiofauna da Chapada do Araripe, restos de pterossauro, tartarugas, lagartos, insetos, troncos silicificados, folhas, flores e frutos, no âmbito da paleobotânica, além de anuros, crocodilianos e penas.

O objetivo do Simpósio Nacional, com a presença de pesquisadores notáveis que apresentarão trabalhos sobre o estado da arte da pesquisa sobre a Chapada do Araripe, será a socialização do conhecimento científico. Com isso, o evento visa, ainda, promover a divulgação do conhecimento e, também, a capacitação de pessoal para levar ao conhecimento da população a importância da bacia fossilífera da região do Araripe, no Cariri.

Elizângela Santos
Repórter

Mais informações:
Museu de Paleontologia de Santana do Cariri
Rua Dr. José Augusto de Araújo, 326 - Santana do Cariri
(88) 3545.1320

Fonte: Jornal Diário do Nordeste.

Homenagem ao humorista George Carlin ( 1937 - 2008 )


Morreu um dos maiores humoristas do Século XX, George Carlin, um homem controvertido, crítico ferrenho do comportamento humano, sempre encontrava uma maneira irônica de fazer um humor ao mesmo tempo refinado, sarcástico ao extremo, de tal forma que se tornou um ídolo e inspiração para muita gente, não só humoristas. Seus trabalhos recentes, alguns publicados no canal HBO, e disponibilizados pelos sistemas de compartilhamento P2P, sugerem uma pessoa altamente conhecedora da psicologia humana, e de inúmeras outras disciplinas.

Morre um dos grandes gênios do humor. Um homem que, sozinho, com um microfone na mão era extremamente perigoso ao "Sistema", sem quaisquer freios, e com um senso de humor incomparável.


Dihelson Mendonça
.