12 novembro 2008

Sobral implantará metrô de superfície a exemplo do CARIRI

Transporte Urbano

Clique para Ampliar

A idéia é implantar em Sobral o mesmo projeto criado para a região do Cariri com o metrô de superfície. Na última semana, o governador Cid Gomes testou o sistema operacional do trem em Juazeiro do Norte (Foto: ANTÔNIO VICELMO)

Clique para Ampliar

A tecnologia utilizada no trem do Cariri é fabricada pela Bom Sinal, sediada em Barbalha (Foto: ELIZÂNGELA SANTOS)

A exemplo do que aconteceu no Cariri, a Prefeitura de Sobral já estuda a criação de um trem na cidade

Sobral. A população deste município na região norte do Estado vê por mais uma vez adiado o projeto de implantação do sistema de transporte coletivo urbano. O projeto que se encontrava em fase de conclusão deverá sofrer várias modificações e mais uma vez adiado. O motivo, de acordo com o prefeito de Sobral, Leônidas Cristino, é que o governador do Estado, Cid Gomes, em parceria com o Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor), estuda a implantação, neste município, de um tipo de transporte urbano sobre trilhos, a exemplo do que foi criado no Cariri.

Na última semana, o secretário executivo da Secretaria Nacional de Transportes e da Mobilidade Urbana (Semob), João Alencar e Fernando Antônio Carneiro, do Ministério das Cidades, acompanhados de técnicos do Metrofor, estiveram no município para estudar a idéia da implantação do metrô de superfície, que também é conhecido como Veículo Leve sobre Trilhos (VLT).

O VLT também pode ser descrito como um pequeno trem urbano, uma espécie de bonde moderno, cuja estrutura de trilhos possa se encaixar no meio urbano já existente. Antes da idéia, o município já havia traçado o novo sistema de transportes sobre rodas que deveria atender à população. Utilizando ônibus modernos e vans, os bairros da cidade seriam interligados ao Centro. O novo sistema de transporte tinha como data prevista para entrar em operação no primeiro semestre de 2009. Antes da tomada desta decisão de implantar o VLT, o prefeito de Sobral já havia contratado uma empresa para executar o projeto urbano de linhas, itinerários, idéias tarifarias e demandas. “Tudo feito cientificamente e com pesquisas, identificando os pontos de paradas de ônibus e terminais. Tudo de acordo com as normais nacionais neste setor”, esclareceu o prefeito Leônidas.

Ele adiantou que o projeto para implantação do VLT está orçado em R$ 15 milhões. Inicialmente será utilizado os trilhos já existentes, pertencente a Companhia Ferroviária do Nordeste (CFN), que corta a cidade ligando os bairros Sinhá Sabóia - Sumaré, numa extensão de 7 quilômetros.

“Para atender à demanda, uma outra linha terá que ser construída ligando o Conjunto Novo Recanto (Grendene) até a Cohab 3, passando pelos bairros Coração de Jesus, Campo dos Velhos e Junco. Serão mais 4 quilômetros de implantação”, adiantou Cristino.

O espaço a ser utilizado para a construção dessa nova via férrea serão as ciclovias construídas ao longo das principais avenidas que ligam esses bairros ao Centro da cidade.

Inicialmente, a implantação deste tipo de transporte urbano ficará a cargo do Metrofor, que também é responsável pela execução do sistema entre Crato e Juazeiro do Norte. A frota será formada por quatro composições, do tipo VLT, com capacidade para transportar até 180 passageiros por composição, adaptado para atender um município do tamanho de Sobral, com 26 metros de largura. Serão dois carros com cabine dupla, nos moldes dos que estão sendo implantados na região do Cariri. A velocidade operacional será de 60km/h e a tração será a diesel hidráulica mecânica. Ao longo de toda a ferrovia serão construídas 11 estações (paradas).

“Não tem nada a ver a gente construir um sistema de transporte urbano sobre rodas para competir com o transporte sobre trilhos, tem que compartilhar. Como é para compartilhar, então, nós vamos reformular esse projeto, fazendo em conjunto com o Metrofor”, delineou Leônidas Cristino, afirmando que ainda este mês irá trabalhar no projeto junto com os técnicos do Metrofor.

Wilson Gomes
Colaborador

SAIBA MAIS

Vantagem do Veículo Leve sobre Trilhos

O VLT é um meio de transporte mais leve, que impacta menos a estrutura urbana e oferece mais segurança. O novo trem é uma adaptação dos modelos europeus. Entre outras vantagens, garante mais segurança e acessibilidade dos usuários, além de ser climatizado. Natal, Capital do Estado do Rio Grande do Norte, teve o transporte subterrâneo descartado, por conta dos altos custos e de demanda insuficiente para justificar um metrô.

Cariri
Já se sabe que a velocidade operacional do trem no Cariri será de 60 quilômetros por hora e a tração será a diesel hidráulica mecânica. Dois destes vagões já estão rodando, em fase experimental, na linha entre o município do Crato e o distrito de Muriti, onde será construída a oficina de manutenção. Os outros dois vagões se encontram em fase de acabamento na fábrica Bom Sinal Indústria e Comércio Ltda., localizada no município de Barbalha.

Mais informações:
Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor)
Rua 24 de maio, 60, Fortaleza
(85) 3101.7128

Fonte: Jornal Diário do Nordeste
.

6 comentários:

  1. Isso não é novidade. Tudo que se traz para o Cariri por obrigação se faz também em Sobral, mas nem tudo que se faz em Sobral se traz para o Cariri. Por que será?

    ResponderExcluir
  2. Acontece que o Ciro Gomes leva tudo pra Sobral. É importante ter uma representatividade política. E o Cariri, o que tem ? Qual político de PÊSO da estirpe de um Ciro Gomes a nível nacional o Cariri possui ? Nenhum.

    Por isso que é preciso fortalecer a classe política caririense, com políticos fortes que estejam em grande sintonia com o povo e com a sua região.

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  3. Dihelson, tu esta com toda razão, precisamos substituir esta palavra que a muito tempo faz parte da política do Crato - NENHUM político que lute realmente pelo Crato no parlamento, sabemos que só o Prefeito sem apoio político no parlamento é a mesma coisa que uma gota de água no Oceano.

    Estamos cansados de obras maquiadoras, que venham verbas para solucionar problemas estruturais, como salvar o nosso Rio Grangeiro.

    Obs: Quando se trata de lutar pelo Crato, tu arrisca até tua vida. (vampiro acordado ás 9:00 !)KKKKK

    Saudações Geopolíticas!
    João Ludgero

    ResponderExcluir
  4. Pois é, João...

    Hoje, o meu lado vampiro resolveu arrefecer um pouco e consegui dormir cedo: às 2 da manhã, e às 06 horas já estava de pé, para cuidar das coisas do Blog.

    Esse negócio é interminável, só teve começo...E 1 dia em que a gente se afasta, o pessoal reclama da falta de postagens. E além do mais eu tenho zilhões de outros trabalhos a fazer.

    Seria muito bom se o Ser Humano não precisasse dormir para aproveitar o Dia e a Noite, e acho que ainda seria pouco tempo pra tanta coisa.

    Um abraço,
    VAMP que ODEIA o Sol quente...

    DM

    ResponderExcluir
  5. Pois é Dihelson.
    Os eleitores do Crato validaram mais de 51 mil votos na última eleição parlamentar e não conseguiram eleger nenhum deputado da terra. O Ciro Gomes tirou quase 11 mil votos no Crato e outros candidatos de fora levaram outros 20 mil votos. É preciso que a sociedade cratense faça uma campanha muito forte para eleger um deputado federal e pelo menos dois deputados estaduais. O cratense deve se conscientizar disso e que as lideranças políticas e seus cabos eleitorais entrem num consenso a respeito desse grave problema que se arrasta há mais de trinta anos..

    ResponderExcluir
  6. Outra coisa que muitos também não sabem, é que Sobral arrecada muito imposto, o governo só está dando a Sobral o que lhe é de direito, e apesar de não ser uma cidade muito grande, tem um intenso movimento urbano. Só para se ter uma idéia, o ICMS de Sobral, Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, é muito maior do que o ICMS do triangulo CRAJUBAR, Crato, Juazeiro e Barbalha juntos, praticamente o dobro, ou seja, o ICMS de Sobral é maior do que toda a região metropolitana do Cariri. E lá também terá um trem urbano.

    Portanto critica de pessoas que não conhecem a realidade.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.