23 novembro 2008

EDUCAÇÃO E VALORES - Por Walkneide Lucena

Sendo leitora assídua do blog do Crato, vejo que este meio de comunicação tem nos levado informações em vários aspectos como cultura, esporte, política, etc. Senti então uma necessidade enorme de postar assuntos sobre EDUCAÇÃO, já que sou uma Educadora e defensora de novas políticas públicas que valorizem o professor. E, como diz Nietzsche, “a primeira tarefa da educação é ensinar a ver, mas gastamos horas na contemplação dos assombros da natureza”. O que é um termômetro do quanto a nossa cegueira chegou. Uma cegueira completa ao belo e ao próximo na sua individualidade.
A escola não tem que viver em ruptura com a sociedade consumista, mas não pode conviver pacífica e passivamente com que é contraditório à sua ação e aos seus objetivos. A escola enquanto primeiro espaço de vida em grupo, numa perspectiva, também, inclusiva e multicultural vai ser palco de confronto de opiniões, resolução de conflitos, consciência de perspectivas e valores diferentes que fomentarão atitudes de respeito pela diferença.
Diferença essa que repercute em todo meio educativo, trazendo atitudes desconexas e indagações como: Os valores? Mas, que valores? Os da Paz, respeito, cooperação, aceitação das diferenças, justiça, o tão falado amor... Sem dúvida todos acenam positivamente a cabeça a tais preocupações, mas, não passa de histórias. Tudo é vazio de significado. Os valores não passam de palavras bonitas e estereotipadas, palavras de ocasião.
A Educação precisa de uma revisão de valores e de governantes que valorizem a base de tudo que é O PROFESSOR.


Walkneide Lucena
Crato-CE

4 comentários:

  1. Walkneide Lucena.

    A unica salvação que resta a humanidade é a educação. Sem a valorização do professor não a teremos.
    Parabens pelo excelente texto.

    Dr. Valdetario: deixei recados no seu E-mail. Leia e confirme por favor.

    ResponderExcluir
  2. A Educação é a base de tudo numa sociedade civilizada. Outro dia alguém me disse que dos políticos, não queremos quase nada:

    "Apenas que eles invistam na educação do Povo."

    Educação é tudo. E é uma coisa em franca decadência. O conjunto de valores, de moral , de princípios está dando lugar a uma subraça de marginais da pior espécie, aqueles vagabundos cujos pais também não foram à escola, não levam seus filhos também à escola, e ficam inchando na periferia das cidades.

    O Brasil está se preparando para ter uma legião de bandidos em cada rua. Isso aqui talvez seja ainda mais perigoso do que Los Angeles. Porque não há grandes investimentos em educação, nem uma real procupação de levar educação ao nosso povo!

    Entramos num bêco sem saída onde muito provavelmente em breve seremos dominados pela bandidagem. E é ao meu ver, um processo ( quase ) irreversível...

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  3. Prezada Professora Walkneide

    Parabéns pelo excelente artigo. Eu também concordo com todos os aspectos que aqui foram levantados. Em grande parte de minha vida, fui engenheiro durante o dia e professor à noite. Nos últimos 10 anos, após minha aposentadoria como engenheiro, tornei-me exclusivamente professor e aí descobri minha verdadeira vocação. Sim, porque para ser professor temos que ter vocação; isto é: ter aquilo que se faz por prazer, dedicação, e muita gratuidade. Talvez os políticos entenderam esse meu sentimento há muito mais tempo. Por isso pagam tão mal aos professores. Uma educação de qualidade só pode existir a partir de um salário digno para o professor. Mas salário digno não se trata de qualquer piso, mas de um salário em que o professor possa investir em livros, reciclagem constante do seu aprendizado, dispor de tempo suficiente para preparar suas aulas. Com um bom salário, os professores melhorarão de qualidade, os incompetentes serão eliminados do caminho e o restante que faltar será mero acréscimo. Não podemos nos enganar; o Brasil somente se desenvolverá quando nosso povo for educado.

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso artigo.

    O q nos resta, o que dá o futuro é o trabalho de um professor... sem um professor, nenhuma profissão seria como é hoje.

    Parabéns!

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.