29 outubro 2007

DRAMA, A FLORESTA EM CHAMAS

Hoje, 29 de julho de 2007, a Floresta Nacional do Araripe, "ARDE"! Essas são as fotos que nenhum fotógrafo gostaria de fazer! Não sei o incêndio é advindo de causas naturais, ou, da natureza da "falta de natureza" de algum ignorante qualquer! Taí uma triste verdade, a FLONA arde! Não é fogo pequeno não!...

QUE PERGUNTA VOCÊ FARIA AO PREFEITO DO CRATO hoje ???



Atençao, amigos,

Já que hoje em dia o BLOG DO CRATO tem mais de 15.000 ( quinze mil ) acessos por mês, eu creio que existem muitos cratenses vendo nossas postagens, inclusive gente do poder púbico.

A questão que proponho aos cratenses ( seja daqui ou de além-mar ), é qual ou quais perguntas você desejaria ver respondidas em entrevista pelo atual prefeito do crato SAMUEL ARARIPE ?

Aceito respostas tanto dos membros do Blog quanto de simpatizantes, e dos comentaristas de plantão. As suas perguntas serão encaminhadas ao prefeito Samuel Araripe, e representará o clamor da população.

Vamos dar preferência a coisas que tenham sentido e que possam ser respondidas.

Aguardo comentários.

Dihelson Mendonça

Blog do Crato atinge Recorde de mais de 15.000 acessos por mês e 23.000 hits !







Olá, Pessoal,

É com muita alegria que comunico à todos que o Blog do Crato tem atingido recordes de audiência na internet a nível de cariri, para um site de divulgação que não é provedor.

Mais de 5.000 acessos no servidor básico.
E isso contando apenas com o setor distribuído pelo nosso servidor de dados, o que não revela a conta total acessado do Blog em si.

Sendo que algumas fotos são localizadas no servidor principal, e este aponta para mais de 23.000 hits por mês em outubro, posso estimar o acesso real em mais de 15.000 por mês, considerando o todo e não apenas a parte medida pelo servidor.

Parabéns aos mais de 30 membros do Blog do Crato que escrevem e postam textos, crônicas, que são os verdadeiros homenageados por esses números tão expressivos.
Venbdo o quadro dos meses, vemos a curva crescente de acesso, para uma coisa que começou apenas por brincadeira.

Nossos ideais são firmes, e nossa credibilidade se faz sentir.
As pessoas que escrevem para o Blog do crato hoje são algumas das mentes mais brilhantes da nossa época.

Abraços,

Dihelson Mendonça

Lugar-comum


Eu vivo correndo o mundo. Os tempos pra mim não passam. Não consigo parar, pensar demais. Faço tudo ao mesmo tempo agora. Suspeito de mim, não consigo desacreditar-me. Mesmo levando porradas continua a busca, as vezes, não sei nem de quê. Mas continuo. Escutar os outros, para mim, atrapalha. Tenho metas, tenho planos mil. Tenho como chegar ao que quero. Procuro não me abater por pouco, ou por muito. Acredito em mim, mesmo acreditando em você também. Apenas a minha opinião é mais relevante.
Calculo? Sim.
Faço previsões? Sim.
Dão certo? Sim e não. Tudo é relativo.
Tudo é perfeitamente imprevisível.
Vai dar certo? Vai, por que não?
Se depender de alguns, nunca vai dar certo. Mas não depende só de alguns, depende de uns. E esses uns são eles mesmos. São eles que quero. São eles que fazem a diferença, pelo menos para mim.
Não me interessa você que não faz a diferença. Não me interessa a sua indiferença, ou, a sua teimosia em ser igual. Não me interessa teu carimbo, teu clichê. Não me chame pra esse teu lugar comum.
Quer vir pra cá? Seja sempre bem-vindo. Agora, limpe os pés, lave as mãos e, principalmente passe uma borracha no teu HD.

MANTENDO A CAMPANHA PELA CULTURA DO CARIRI

Existem lugares especiais na cultura dos povos. Exemplos máximos: as margens do Rio Gânges, a Mesopotâmia, Jerusalém, Meca, Roma entre outras cidades e regiões. E são especiais pois além de terem sido palco de grandes eventos da cultura foram, também, o cenário permanente em que esta mesma cultura cresceu, se modificou e se atualizou. Lá, mesmo dado o sentido conservador das culturas, o mundo se explica, as pessoas se encontram, pois como dizem a "nossa alma habita na nossa memória". Então o que isso significa?

O Cariri, no sul do Ceará, é um pólo de cultura sertaneja, mas não é só isso. A sua cultura vai do semi-árido ao verde da cana. É tudo que os intelectuais no cinema e na literatura tanto almejaram: tem antropofagia, é o encontro do mar que virou sertão e do sertão de virou mar no mesmo lugar, é um híbrido como os jumentos, mas é muito mais, pois ao contrário é um híbrido fértil. O Cariri é a sede de uma religiosidade primitiva como as pompas cardinalícias jamais alcançaram. É um fuga da realidade brutal sem, no entanto, questionar a brutalidade da realidade, mas é, também, brutal. É tudo isso, pois um pólo de explosão como esse não é coisa com coisa, pedaço encaixado noutro pedaço, é justamente ao contrário: é alma retalhada dos seres humanos das américas. Mas da América Latina, da américa pobre, da américa ao mesmo tempo pré-colombiana e da era da internet.


Então meus caros contemporâneos blogueiros dos Cariris eis a realidade arco-irisada de nossas almas, das ruas que burburinham nas nossas portas e dos campos que silvam em algum galho de Juazeiro. Não olhem apenas para teu porte fidalgo, da origem classe média e de uma suposta origem mensageira, vejam a derme que sua, agora mesmo ao sol da realidade irremovível de nosso ser. Não tens fuga, és o que és e por isso mesmo és coletivamente muita coisa.

Agora que Valter Peixoto, não importa se por um escriba ou não, se manifestou, falta o manifesto de SAMUEL ARARIPE, PREFEITO DO CRATO. Caro prefeito da nossa cidade amada, diga o que pretendes da nossa cultura, como conduzirás este patrimônio em busca das transformações imensas que acontecem no litoral e no mundo globalizado. Diga-nos e aproveite para conversar com DIHELSON, CARLOS RAFAEL, SALATIEL, ZÉ FLÁVIO E VICELMO. È papo só. Não custa nada. Ouça o que têm para dizer. Esta semana algo novo pode acontecer.