28 fevereiro 2007

Ziembinsky do Cariri


Transcrevo esta reportagem do Diário do Nordeste de 27/03/05, sobre o maior homem do teatro cearense do Século XX, o cratense Waldemar Garcia(Foto). A lembrança vem bem a calhar quando inauguramos, ontem , o nosso Cine Teatro e é impossível se erguer templos de artes cênicas sem lembrar de um deus do porte do nosso Waldemar.

Definitivamente, Waldemar Garcia foi um homem à frente de seu tempo. Dentre os muitos pioneirismos que protagonizou ao longo de 50 anos de carreira, ele foi responsável por inserir, no disputado ambiente universitário da Capital cearense, o embrião de uma prática teatral. O trabalho que realizou na década de 40 abriu caminhos para que, posteriormente, o diretor e teatrólogo B. de Paiva viesse a desenvolver o Curso de Arte Dramática (CAD), junto à Universidade Federal do Ceará. O Caderno 3 visita hoje esse cenário, espaço singular na trajetória das artes cênicas no Estado. Palco de crises severas vividas nos últimos anos, condição que contradiz com sua relevância para firmar o teatro localA imponente Universidade Federal do Ceará nem existia, quanto mais seu futuro Curso de Arte Dramática, quando Waldemar Garcia vislumbrou, nos estudantes, um potencial ímpar para o desenvolvimento das artes cênicas no Estado. Foi entre eles que o já renomado homem de teatro, vindo do Cr
Kiko Silva
PROBLEMAS ANTIGOS prejudicam a atuação do Curso de Arte Dramática e do Teatro Paschoal Carlos Magno. Na foto, o ator Chicão Oliveira, durante as atividades de mobilização dos estudantes
ato, fez ecoar sua rigorosa concepção de encenação, que viria se revelar a base para a consolidação do moderno teatro cearense. Nada de visionário no comportamento do velho mestre, muito embora ele tenha antecipado, em alguns anos, as idéias do referencial Paschoal Carlos Magno (1906 - 1980), apontado como pai do teatro de estudantes no Brasil.Na verdade, Garcia, como bom caririense, não devia ficar alheio ao que se passava, na época, ali no vizinho Pernambuco. Quando em 1949 estréia o espetáculo “Vila Rica”, texto de Magalhães Júnior, marco da fundação do nosso primeiro grupo de teatro universitário, o polivalente senhor dos palcos concretizava por aqui uma perspectiva que vinha mostrando bastante força na Capital pernambucana.Data de 1946, o encontro do calouro Ariano Suassuna com o romancista e teatrólogo Hermilo Borba Filho (1917 - 1976). A parceria, nascida nos corredores da Faculdade de Direito do Recife, foi fundamental para o surgimento do Teatro do Estudante de Pernambuco, berço para o desenvolvimento da dramaturgia suassunesca, para a criação do Teatro Popular do Nordeste, e, conseqüentemente, para o nascimento do Movimento Armorial.Todo o processo encabeçado por Waldemar na Fortaleza dos anos 50, uma cidade com pouco mais de 270 mil habitantes, repercutiu muito no cenário cultural de então. Dos trabalhos que orientou com os estudantes, surgiram e/ou passaram a ter mais destaque nomes de bastante expressão no teatro cearense, como Geraldo Markan e Eduardo Campos. Essa atividade chamou atenção para uma demanda existente no meio universitário: havia, sim, um grande interesse pelo teatro. Foi com essa constatação que o diretor e teatrólogo B. de Paiva (depois de uma temporada no Rio de Janeiro, onde estudara com o próprio Paschoal Carlos Magno), com a devida sensibilidade do memorável reitor Antônio Martins Filho, criou, em 1960, o Curso de Arte Dramática da UFC e, cinco anos depois, o Teatro Universitário Paschoal Carlos Magno.O CAD surgiu comprometido com o teatro novo, mas não abriu mão do que já vinha sendo feito. Formou muita gente nova, mas os veteranos também tiveram vez. O próprio Waldemar Garcia passou por lá, manuseando o seu piano para animar as aulas de expressão corporal e também de balé, essas ministradas pela bailarina Tereza Bittencourt. Passados 45 anos de sua fundação, o Curso de Arte Dramática padece com problemas já não tão recentes, que têm inviabilizado sua atuação de forma mais incisiva, como a de anos atrás, quando era o principal ponto de encontro, produção e discussão do teatro feito em Fortaleza.

No decorrer da década de 50, a encenação vai eliminando aquilo que tinha de rudimentar. O improviso vai saindo de cena, o ponto é abolido de vez e a atuação passa a figurar como ponto de maior relevância para a construção dos espetáculos. Repetindo frases de impacto, como a que pregava que o ator tinha que saber o texto como sabe o caminho de volta para casa, Waldemar Garcia introduziu um teatro meticuloso, em que os elementos cênicos eram explorados ao máximo e com precisão. Com isso, chamou atenção para uma concepção em que o modo como se conta uma história passa a ser tão ou mais importante quanto o quê está sendo narrado, tal como pensava Ziembinski.Ainda no Crato, o velho mestre se encontra com a arte de figuras interessadas por algo novo. No palco do Cine Cassino, conhece futuros parceiros, a exemplo do ator e diretor Fernando Silveira, responsável pela montagem primeira de um texto de Nelson Rodrigues pelo teatro cearense: “A mulher sem pecado”, em 1946, com o elenco do Centro de Cultura Teatral (do qual Waldemar Garcia também fizera parte). Além da audaciosa dobradinha com Manuelito, com o qual protagoniza a estréia de “O Demônio e a Rosa”, em maio de 50, nesse mesmo ano, ele dialoga com a dramaturgia de Ibsen e encena “Espectros”, com Tarcísio Holanda e os atores do Teatro Universitário.Falecido há exatos 20 anos, Waldemar Garcia deixou rastros que nem o tempo é capaz de apagar. De personalidade forte, a palavra do diretor sempre teve um peso pra lá determinante. Todos queriam saber o que ele achava, o que considerava certo ou errado, para que não decepcionassem o ensinamentos do velho mestre. Pelos palcos Brasil afora, sua voz imponente ainda está a ecoar. Como bem evidenciam os depoimentos de quem com ele conviveu espalhados nas páginas desta edição. Palavras de gratidão a serviço da memória do nosso Ziembinski caririense.

Mais fotos sobre a Noite dos Artistas !

O Nosso grande amigo e colaborador Pachelly Jamacarú ( O homem que ainda não conseguiu configurar o blog ), nos brinda com excelentes fotos do evento, inclusive uma foto em que eu apareço. E, claro, suas fotos têm qualidade profissional.

Aqui estão algumas delas:






Uma noite Memorável para a Cultura Cratense !

Uma noite de encontros, de artistas, de gente bonita, de promessas de revitalização da Cultura....etc... assim podemos definir o encontro com os artistas cratenses na noite de ontem nas novas instalações do antigo cine Moderno, hoje transformado em Teatro. Embora para realmente funcionar bem, o referido teatro não possua sistema de iluminação adequada para peças nem shows, e foram apontadas falhas estruturais no sentido de um "verdadeiro" teatro, o local pode ser reformulado e esses problemas sanados. Em compensação, do ponto de vista arquitetônico da obra em si, podemos dizer que o antigo Cine Moderno é hoje um local explêndido para certos tipos de eventos.

Registrei o evento com inúmeras fotos. Daria pra escrever um álbum inteiro, mas aqui vão algumas principais:



( os irmãos Jamacarú e o o Promotor João de Deus )




Radiante o prefeito Samuel Araripe comemora...













Esperamos que a Arte e a Cultura possam realmente seguir o sorriso do Prefeito Samuel Araripe.

26 fevereiro 2007

BlogPoem - Mário Quintana


Se eu fosse um padre

Se eu fosse um padre, eu, nos meus sermões,
não falaria em Deus nem no Pecado
- muito menos no Anjo Rebelado
e os encantos das suas seduções,

não citaria santos e profetas:
nada das suas celestiais promessas
ou das suas terríveis maldições...
Se eu fosse um padre eu citaria os poetas,

Rezaria seus versos, os mais belos,
desses que desde a infância me embalaram
e quem me dera que alguns fossem meus!

Porque a poesia purifica a alma...
a um belo poema - ainda que de Deus se aparte -
um belo poema sempre leva a Deus!

22 fevereiro 2007

Viva Zé Maia!





Ainda envolto em confetes e serpentinas, aqui entre Olinda-Recife. Acessei o blog e vi notícias do nosso Carnaval cratense e as fofocas mais quentes da terrinha pelo blog e pelo Portal. Milagres da tecnologia. A foto ao lado é de um folião no domingo de Carnaval, em Olinda, na famosa Troça : "Enquanto isto na Sala de Justiça..." fantasiado de "Superaquecimento Global" ( ficava todo o tempo pulando e se aquecendo) o rombo a nível da barriga é o Buraco na Camada de Ozônio. Haja criatividade!

21 fevereiro 2007

Portal do Crato atualizado !



Pronto, gente! Carnaval já acabou. retornamos às atividades normais, e uma novidade é que temos novos artigos no Portal do crato.

Em Destaque:

01 -Notícias:
Prefeito inaugurou nova sede da secretaria municipal de cultura

02 - Novas Crônicas ( por Leopoldo Martins - Advogado ):

Registro Indevido de Consumidor

e

Direitos e Benefícios de Portadores de Deficiência e Doenças Graves

Visite agora mesmo:

Portal do Crato - O que acontece na cidade !

www.portaldocrato.com

20 fevereiro 2007

Pachelly Jamacarú nos brinda com fotos do Carnaval do CRATO !

O Grande músico e fotógrafo Pachelly Jamacarú, que é um dos membros do Blog do Crato ( mas que por alguns problemas em suas configurações ainda não consegue enviar as mensagens ), gentilmente nos enviou 2 fotos muito ilustrativas do período carnavalesco aqui na cidade do Crato.

Só para os que estão fora da cidade possam acompanhar o que aconteceu na cidade.
Inclusive registrando o Baile que o KAIKA promoveu no Crato Tênis Clube foi um arraso!

Aqui estão as fotos:

Na primeira foto, o carismático cbelereiro Wellington:



E nesta outra, foto da festa de rua:



Já estamos aguardando a volta do Zé Flávio e o Jayro Starkey do carnaval em Recife para continuar movimentando isso aqui, rs rs rs.

Um grande abraço.

18 fevereiro 2007

Parece o Oscar!

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas é a organização por trás do famoso prêmio "Oscar". Criada em 1927, hoje agrega cerca de 6.300 profissionais do cinema. Não é à toa que os Estados Unidos têm dado o exemplo de um bom negócio. Apesar da distinta Academia não ter fins lucrativos, por ironia é a maior incentivadora de megaproduções. Uma verdadeira indústria é movida pela corrida ao Oscar. Foi esta a opção do cinema americano desde seus primórdios, unir diversão e lucro. Há muita polêmica em torno da qualidade artística das obras do cinema hollywoodiano comparada às de outras produções, sobretudo européias, somadas à renovação de cinematografias nacionais, com destaque para a China, Argentina, Brasil, Irã e India, desde os anos 1990. (...)


Ver artigo completo em: http://glaucovieira.blogspot.com

15 fevereiro 2007

Vamo Simbora Cabra, Cabriola !


FUIIIIIIIIIIIIIIIIIII !

Utilidade Pública na Net

Informações encaminhadas pelo grande amigo Hélio Pinheiro ("Manga Rosa" para os íntimos)

UTILIDADE PÚBLICA

01. Quando for comprar qualquer coisa não deixe de consultar o site GastarPouco. www.gastarpouco.com

02. Serviço dos cartórios de todo o Brasil, que permite solicitar documentos via internet: www.hotelinsite.com.br

04. Site que permite encontrar o transporte terrestre entre duas cidades, a transportadora, preços e horários: www.soleis.adv.br

06. Tenha a telinha do aeroporto de sua cidade em sua casa,chegadas e partidas: www.mapafacil.com.br

09. Encontre o mapa da rua das cidades, além de localizar cidades: http://mapas.terra.com.br/Callejero/home.asp

10 Confira as condições das estradas do Brasil, além da distância entre as cidades: www.dnit.gov.br

11. Caso tenha seu veiculo furtado, antes mesmo de registrar ocorrência na polícia, informe neste site o furto.O comunicado às viaturas da DPRF é imediato: www..dprf.gov.br/ver.cfmlink==form_alerta

12. Tenha o catálogo telefônico do Brasil inteiro em sua casa. Procure o telefone daquele amigo que estudou contigo no colégio: www.102web.com.br

13. Confira os melhores cruzeiros,datas, duração,preços, roteiros, etc.: www.bestpricecruises.com/default.asp

15. Indexador de imagens do Google - captura tudo que é foto e filme de dentro de seu computador e os agrupa, como você desejar: www.picasa.com
16. Semelhante ao Internet Explorer , porem muito mais rápido e eficiente, e lhe permite adicionar os botões que desejar, ou seja, manipulado como você o desejar: www.mozilla.org.br/firefox

17. Site de procura, semelhante ao GOOGLE: www.gurunet.com

18. Site que lhe dá as horas em qualquer lugar do mundo: www.timeticker.com/main.htm

19. Site que lhe permite fazer pesquisas dentro de livros: www.a9.com

20. Site que lhe diz tudo do Brasil desde o descobrimento por Cabral: www.historiadobrasil.com.br

21. Site que o ajuda a conjugar verbos em 102 Idiomas: www.verbix.com

22. Site de conversão de Unidades: www.webcalc.com.br/conversões/area.html

23. Site para envio de e-mails pesados, acima de 50Mb: www.dropload.com

24. Site para envio de e-mails pesados, sem limite de capacidade: www.sendthisfile.com

25. Site que calcula qualquer correção desde 1940 até hoje, informando todos os indices disponiveis no mercado financeiro.. Grátis para Pessoa Física: www.debit.com.br

26. Site que lhe permite falar e ver pela internet com outros computadores,ou LHE PERMITE FALAR DE SEU COMPUTADOR COM TELEFONES FIXOS E CELULARES EM QUALQUER LUGAR DO MUNDO GRÁTIS – De computador para computador, voz + imagem. De computador para telefone fixo ou celular: www.skype.com

27. Site que lhe permite ler jornais e revistas de todo o mundo. www.indkx.com/index.htm

28. Site de procura de pessoas e empresas nos EUA. Só para achar a pessoa ou a empresa com endereço e telefone-GRATIS. Se quizer levantamento completo de tudo o que a pessoa tem como patrimonio, tudo que teve de problema judicial e financeiro, e outras coisas mais, ai pode custar até US$80,00 com valores intermediarios: www.ussearch.com/consumer/index.jsp

29 .. Site de camaras virtuais, funcionando 24 hs por dia ao redor do mundo: www.earthcam.com

SEJA UM DOS PATROCINADORES do PORTAL DO CRATO ! Coloque BANNER de sua emprêsa na internet !



Olá, gente, dando prosseguimento ao projeto de colocar no ar definitivamente a TV Crato, TVC ( que é um sonho antigo ), estou conseguindo equipamentos como câmeras, tripés e pessoas que serão cameraman, e outros mais, a fim de trazermos as notícias da cidade, fatos interessantes para postar no Portal do crato. Isso precisa de patrocínio...

Enquanto isso, conclamo a todos os visitantes que se interessarem em divulgar sua emprêsa ou seus negócios no Portal, provendo PATROCÍNIO aos nossos sites, já estamos abertos a negociações. Veja o exemplo do BANNER do Empório dos freios do Francinée Ulisses:
www.portaldocrato.com

Entre em contato através do e-mail:
dihelson@yahoo.com

Ou faça sua contribuição voluntária aos nossos projetos culturais como já faz o nosso ilustre Dr. José Flávio Vieira e Francinée Ulisses.

Um grande abraço,

Dihelson Mendonça

14 fevereiro 2007

Parece Mas Não É !

Parece Mas Não É!

José do Vale Pinheiro Feitosa*

O que parece ser e o é, diz do preciso que se espera. Não tem surpresa. Como o famoso ditado do Barão de Itararé: de onde menos se espera daí é que nada vem mesmo. Mas nesses tempos de sinais trocados, o que parece pode ser exatamente o seu contrário. Aliás, os religiosos, os medievos cristãos achavam que em sinais aparentes de Deus poderia se esconder o demônio. Como categoria enganadora. Era um dos mitos bíblicos: a serpente que enganou Adão e Eva. Quem já leu, acompanhou ou ouviu sobre o poeta Vinícius de Moraes, sabe quantos casamentos teve. É no verso, "e que seja eterno enquanto dure", que se demonstra o contrário do que se pensa. O poeta amava profundamente a mulher amada. Como nem toda a vida dele era eterna, a paixão o era, mesmo que durasse pouco. Quem já soube detalhes, entende como ficava enlouquecido com um amor à primeira vista. Revirava o mundo de cabeça para baixo até conquistar aquela fração inteira de eternidade. Foi um fidelíssimo amante, até que a traição o lançasse em outro amor. Parecia que era, mas não era. Pelo menos para este mundinho pequeno burguês de traições envergonhadas, de amores de cristaleira, de mofados sentimentos nas gavetas de chaveados amores. O poetinha amava de fato. Como foi um caso da avó de um colega de trabalho do meu amor (quase dizia mulher, mas usando o tema....). Então como dizia da avó desse homem. Era uma grande senhora. Criou família temente a Deus. Na religião Católica Apostólica Romana. Religiosa e apostólica. Tinha uma Nossa Senhora sobre a cômoda do seu quarto. Melhor dizendo: tinha uma imagem colorida, da grande mãe do Senhor. Quando o dia despertava para as obrigações da mulher brasileira, sempre defronte de sua imagem amada, rezava a oração do mito feminino. Entrava profundamente na alma daquela mãe do mártir para sentir a dor e a piedade que é educar as crias telecinéticas dos tempos modernos. Muito cedo, antes do cheiro do café coado espalhar-se pela casa, estava ela em diálogo silabado com mãe de todas as mães. Quando balançava os pés dos filhos até que trouxessem a remela ao jato da pia e bochechassem o fel das papilas ressecadas pelo ressonar, a presença daquela, que acompanhara o filho até ao calvário, estava com ela. No trovão azedo do marido queixoso, o salário que não sobe, as contas que aumentam, o chefe que não promove. Nossa senhora era sua confidente, seu lenitivo da árdua forma é ser mãe e esposa. Na noite, a mulher, antes de deitar-se ao lado do marido roncador, mais uma vez tinha o seu diálogo com a santa de todas as santas. Aquela imagem ariana, a pele branca de neve, os cabelos cacheados encobertos por longo manto, roupas azuis, rosto de anjo, olhos de compreensão, palmas das mãos postas. Era ao adormecer que a mãe terrena encontrava a mãe dos céus. Cinco parágrafos sobre a verdadeira relação entre aquela senhora do dia-a-dia e senhora da eternidade. Aí, os tempos mudam. Dizem que o corpo envelhece. As articulações tendem a congelar, os cabelos rareiam e embranquecem, os contemporâneos saem do tempo, ela foi ficando só. Até que um dia... - O que é que esta filha da puta estar olhando para mim?
Os netos se entreolharam. As filhas choraram. Os filhos saíram do quarto.
- Tirem esta filha da puta daí!
Foi a velha empregada doméstica que a atendeu. Pegou a estátua de sua ultrapassada adoração e escondeu num armário qualquer. A vovó em sua evolução do Mal de Alzheimer parecia o que não fora. Ou fora o que não era?
* O autor é cratense, médico e escritor. Reside no Rio de Janeiro. Autor do Romance: "Paracuru"

POTOCAS. COM


CORRIGINDO VELHOS DITADOS

"É dando... que se engravida".

"Quem ri por último... é retardado".

"Alegria de pobre... é impossível".

"Quem com ferro fere... não sabe como dói".

"Em casa de ferreiro... só tem ferro".

"Quem tem boca... Fala. Quem tem grana é que vai a Roma!"

"Gato escaldado... morre, porra!"

"Quem espera... fica de saco cheio."

"Quando um não quer... o outro insiste."

"Os últimos... serão desclassificados."

"Há males... que vêm para fuder com tudo mesmo!"

"Se Maomé não vai à montanha... é porque ele se mandou pra praia."

"A esperança... E a sogra são as últimas que morrem."

"Quem dá aos pobres... cria o filho sozinha."

"Depois da tempestade... vem a gripe."

"Devagar.... nunca se chega."

"Antes tarde... do que mais tarde."

"Em terra de cego... quem tem um olho é caolho."

"Quem cedo madruga... fica com sono o dia inteiro."

"Pau que nasce torto... urina no chão."

A Chama dos Velhos Carnavais - JFlávio

A CHAMA DOS VELHOS CARNAVAIS

Há alguns anos, no assassino desmoronamento do edifício Palace II , no Rio, entre os oito mortos, havia uma mocinha que foi surpreendida, no interior do seu apartamento, quando tentava salvar a fantasia de carnaval que usaria no desfile do outro dia. Quão importante aquela festa para a menina que, ao invés de tentar salvar bens mais duráveis, buscou desesperadamente salvar a sua fantasia! O Carnaval, que nos chegou com os portugueses ,aportou no Brasil como expressão máxima do anarquismo: festa onde cada um se fantasiava do que bem lhe aprouvesse, onde os escravos encharcavam os senhores e os súditos ridicularizavam os reis. Tudo era permitido naqueles quatro dias de trégua dos homens com o seu poder, seu status quo e suas regras sociais. Certo que, com o tempo, o capital começou a pôr leis e fronteiras na essência anárquica do Carnaval, vieram as arquibancadas, os cordões de isolamento, os trios elétricos, os abadás e a grande expressão da cultura brasileira foi se tornando burocrática, com uma alegria medida, uma transgressão controlada, uma anarquia regulada. Os reis já não se misturam com os súditos, os senhores já não se mesclam com seus escravos... o aparthaid brasileiro já não tem sequer um dia de trégua!
Soube de um tempo em que o Carnaval cratense tinha o doce sabor original dos velhos reinados mominos. Um tempo em que o Corso percorria toda a Rua do Commercio, em meio à guerra de serpentinas e confetes, entre pierrôs e colombinas que se espalhavam por toda avenida ou se encastelavam nas janelas dos velhos casarões e que , à noite, terminavam no baile carnavalesco no Clube Cariri, ali pertinho na Rua Formosa . O Lança-Perfume , na época, era um mero aromatizador e fazia as moiçolas lacrimejarem quando respingava nos olhos escondidos por trás das máscaras e corpos contidos pelos espartilhos. Vivi, depois, um tempo em que blocos organizados e Escolas de Samba desfilavam por toda a cidade e onde o Carnaval tinha seu apogeu nos Assaltos do Crato Tênis Clube, bailes comandados por figuras emblemáticas e inesquecíveis como Valdir Silva e Zé Maia e que terminavam, na madrugada da ingrata quarta-feira, em plena praça Siqueira Campos. Tempo que tão genialmente foi depois eternizado em dois frevos do nosso Abidoral Jamacaru. Época em que boêmios da nossa mais alta society roubaram, no romper do dia, um pato da Fonte Luminosa da Praça da Sé e foram saborear o petisco, após ser apetitosamente preparado pelas sábias mãos de Canena . O furto terminou em tanto alvoroço que rendeu uma Marcha:

“Levantaram um “falso”chato
Ao novo Clube das Rosas,
Só porque sumiu-se um Pato,
Lá da fonte luminosa”...
Quem paga o Pato?”

Depois o Carnaval cratense foi pouco a pouco esmaecendo, um pouco a cada ano, um tanto a cada gestão municipal. As poucas pessoas mais aquinhoadas arrefecem sua chama foliã nas praias do litoral e os foliões incorregíveis buscam Recife-Olinda que ainda conservam, como em um Museu, a chama inquebrantável dos velhos Carnavais. Ao povão resta seguir com seu eterno destino de escravo, sem poder sequer um dia mimetizar-se de marajá, de príncipe, de Rei. Resta-lhe tão-somente a velha e surrada fantasia de palhaço. Quem quiser um dia trazer de volta a nossa essência como cidade, terá que , necessariamente, resgatar nossos antigos e inesquecíveis carnavais. Precisamos trazer à tona a mesma chama que fez aquela mocinha , com todo perigo desse mundo, entrar no edifício que desmoronava, na vã tentativa de salvar sua fantasia para o Desfile do Carnaval...

13 fevereiro 2007

"Romeiros do Porvir"


O advogado Soriano de Albuquerque por volta de 1900 inaugurou as artes cênicas aqui no Cariri. Soriano fundou o nosso primeiro Grupo Teatral: "Os Romeiros do Porvir". Nascido em Pernambuco, em Água Preta, Soriano ,por questões políticas, deixou o Crato em 1903, indo para Barbalha e , depois, Fortaleza, onde se tornou um dos fundadores da Faculdade de Direito do Ceará. O Crato deu-lhe pouco: apenas o nome de uma rua no Pimenta. Agora, na inauguração do nosso Teatro Municipal, ele novamente não foi lembrado. Soriano, pelo pioneirismo, merece ter sua foto e sua história, ao menos, estampados no foyer do Teatro. Uma cidade que não tem passado, definitivamente, não tem futuro.

Dica: Como ver as zilhões de mensagens e FOTOS já escritas aqui?

Olá, pessoal,

Essa dica é importante. Na página principal do Blog ficam apenas umas 10 mensagens, e estas vão sendo substituídas pelas mais recentes. Mas todas são arquivadas. Quem quiser ver o que já se escreveu por aqui ( e as fotos ), basta clicar do lado direito no nome do MÊS, Janeiro, Fevereiro, Dezembro... tá tudo lá...
Já possuímos um grnde acervo de mensagens. E muitas delas estão virando artigo para o PORTAL DO CRATO:

www.portaldocrato.com

Um grande abraço!

DICA: Porque muitos não conseguem postar mensagens no Blog ?



Olá, Pessoal,

Essa mensagem visa escalrecer alguns pontos importantes e que eu já havia frisado no início do Blog, mas é sempre bom lembrar.

Um Blog NÃO é um mural !
Num mural como aquele que víamos na Bayde, e outras mais, era impossível a qualquer moderador controlar. Qualquer pessoa entrava lá e escreveia PORNOGRAFIA. A coisa ficou tão insustentável, que me dava vergonha de ser caririense e ter uma coisa daquelas sabendo que era daqui do cariri.

Um Blog é diferente.

COMO ESCREVER COMENTÁRIOS:

Para escrever comentários, uma pessoa não precisa ser membro do Blog, MAS precisa ser pelo menos cadastrado no site BLOGGER:

www.blogger.com

preencha seu cadastro completinho lá, volte aqui no blog do crato, que vc já vai poder escrever seus comentários.

COMO ESCREVER MENSAGENS:

Esse é mais complicado. O Blog do crato é um Blog Comunitário. É formado por membros. Somente o administrador CONCEDE o direito a alguém de se tornar um membro. Como membro, cada um pode postar suas próprias mensagens. Eu sou o administrador do Blog. Mas nem todas as pessoas que eu conheço são indicadas para ser membro. por exemplo, minha mãe não é membro desse Blog. ( rs rs rs ). Somente certas pessoas, conhecidamente e reconhecidamente com qualidade e responsabilidade podem ser aceitas como membro. Não estou afirmando que não haja pessoas bem intencionadas fora, não é isso. Estou afirmando que todos os nossos membros são pessoas bem-intencionadas e que contribuem com matérias e participação no nosso Blog.

Aqui, o objetivo do Blog é retratar a cidade, tecer um perfil do crato na Internet ressaltando os grandes valores dessa cidade e suas ramificaç~es. Aqui, damos muita ênfase às questõs culturais, históricas, notícias, mas não certos tipos de eventos. por exemplo, gostamos de divulgar shows culturais, mas rechaçaremos qualquer manifestação de cultura inútil, banda de forró, e outras desgraças que só contribuem para disseminar a ignorância na cabeça das pessoas.
procuramos retratar o lado bom do crato, mas não nos esquecemos do lado podre nem dos políticos maus, embora não sigamos NENHUMA corrente política. Não somos contra nenhum político. Somos a favor da cidade.
Gostamos de crônicas bem construídas, gostamos de mensagens bem redigidas, que edifiquem.

Se voce então, após tudo isso se acha qualificado para se tornar um membro PARTICIPANTE do nosso Blog ( e não somente aquelas pessoas que entram uma vez pra nunca mais ), entre em contato através do meu e-mail: dihelson@yahoo.com e sua proposta será avaliada em particular. O processo é sigiloso, e se for aprovado, vc receberá uma resposta positiva. Se não for aprovado, vc receberá uma resposta negativa por e-mail particular.

CONCLUSÃO:
O método de filiação como membro está muito bem claro exposto no parágrafo anterior. Se vc chegou aqui e não entendeu, é porque vc não leu na íntegra, teve preguiça e seu interesse deve ser pouco ( rs rs ). leia novamente e guarde o e-mail.

Atenciosamente,

Dihelson Mendonça

11 fevereiro 2007

Flores & Lobos - J. Flávio

Flores & Lobos


Quem quiser conhecer um pouco o espírito de uma época deve consultar as páginas policiais. Ali estão estampadas as chagas de uma sociedade, sem reparos e maquiagens. Os outros cadernos geralmente pintam-se com tintas atenuadas ou acentuadas pelo pincel do poder reinante: reis e nobres ganham virtudes inexistentes e revolucionários defeitos que não possuem. A seção policial, no entanto, traz a crueza do mundo, o dilaceramento contínuo das relações humanas, o homem como lobo do homem. A história, por fim, que se escreve com sangue e que demonstra a pouca diferença entre o sujeitinho de gravata e o primata peludo que acabou de descer da árvore.
Nestes dias, divulgou-se uma destas histórias emblemáticas da nossa era. O protagonista tem um nome embebido , aparentemente, em raios de sangue azul : Renné Senna. Tratava-se, no entanto, de um pobre lavrador do interior do Rio de Janeiro que, doente, acabou tendo as duas pernas amputadas e viu-se abandonado pela mulher e pela filha. Morava ,de favor, no fundo de uma escola e, de cadeira de rodas, sustentava-se , vendendo flores à beira da Estrada Rio-Santos. Um destes dramas comuns a que estamos afeitos e que já não têm sequer a força de alimentar qualquer cronista hebdomadário. Parece até ficção, um destes dramalhões do Sidney Sheldon, pois não é que em 2005 a vida do Renné dá uma guinada totalmente imprevista? O homem ganha sozinho a mega-sena: mais de 50 milhões de reais. A seqüência parece bastante previsível. A ex-mulher deve ter se acercado, enchendo a boca de: meu ex-marido; a filha, dengosa voltou a chamá-lo de painho e os amigos e parentes multiplicaram-se . Consta que Renne´, sobrevivente de tantas batalhas, mostrava-se um figura doce e muito generosa. Ajudava amigos e aderentes com uma presteza jamais vista. Adquiriu uma enormidade de bens de consumo: casas, fazendas, carros importados, apartamento no Recreio dos Bandeirantes. Passou a ter às mãos tudo que materialmente desejasse. Arranjou até uma nova esposa, uma loura bonita, ex-cabeleireira, o objeto de consumo de muitos em Rio Bonito. A sorte, no entanto, deu uma nova reviravolta e, no início de janeiro, Renné foi assassinado com cinco tiros, aparentemente a mando da nova esposa, Adriana Almeida, que tomara conta de sua vida, afastava seus familiares e mantinha muitos amantes. O motivo parece o mais banal e previsível : apoderar-se da herança.
Reflitamos, um pouco, sobre este conto real ,escrito pelas trêmulas mãos do destino. O primeiro ponto é que Renné sobreviveu à miséria mas não conseguiu sobreviver à riqueza. A abastança é uma doença muito mais mortal que a indigência. A fartura deu para Senna uma infinidade de bens que nunca havia sonhado em possuir, mas lhe trouxe junto a ganância, a inveja e a necessidade de exercer o eterno escambo emocional e sentimental. Os amigos, as mulheres, os parentes se acercaram de Renne´ não pelo que ele era ( e, aparentemente, este se mostrava como seu maior tesouro) mas pelo que Renné tinha. A miséria e a doença não o atacaram tão mortalmente como a ganância dos lobos.Uma outra reflexão interessante é a de que Senna, definitivamente, não teve sorte com as mulheres e Nelson Rodrigues dizia que o dinheiro é tão poderoso que compra até amor verdadeiro.A primeira o abandonou quando estava na sarjeta e a outra para lhe tomar o trono de ouro. Um outro ponto a ser pinçado da história: os psicólogos têm trabalhos que mostram : após se ter uma guinada na vida como aconteceu com o Renné, a pessoa se vê imersa numa enorme felicidade e sensação de bem estar. Este estado, no entanto, mostram as pesquisas, dura apenas um ano, após este prazo, apesar de toda a fortuna, o nível de bem estar volta a ser o mesmo de antes. Por que isto acontece? Simplesmente, a meu ver, porque o dinheiro traz apenas uma profunda mudança na superfície de nossa vida. No início satisfazemos todos os desejos materiais que se encontravam represados e nos sentimos profundamente felizes. Completado este primeiro estágio, já não nos sobram aspirações e caímos na mesmice de sempre. As nossas mais importantes e verdadeiras aspirações encontram-se mais profundas, nas regiões mais abissais dos nossos oceanos interiores, totalmente inacessíveis à ação do dinheiro. Renne´ há de ter tido tempo de perceber isto. Seus amigos anteriores faziam-se mais fiéis, seus amores mais verdadeiros e talvez ele fosse bem mais feliz quando morava nos fundos da escola . Na abundância distribuiu jasmins e lhe deram em troca apenas os espinhos , quando vendia flores ,ao menos ficavam nas mãos um pouco do perfume das rosas que enchiam de cores os carros na Rio-Santos.

MUITO OBRIGADO PELO SHOW DE PLATÉIA !


Olá, Pessoal,

Quero agradecer imensamente à todas as pessoas que foram ontem, Sábado, prestigiar e participar ativamente do nosso show "A MÚSICA DO ACASO E A ARTE DA IMPROVISAÇÃO NO BNB" e que ovacionaram-me ao final.

As palavras do público depois do show, de "incrível", "extraordinário", "Estado de Êxtase" foram mais que compensadoras. Realmente, nunca em minha vida fiz um show de tão alta concentração, qualidade, criatividade, e interatividade com a platéia. Convidei pessoas a tocar e repeti o que elas tinham tocado sem nunca ter ouvido antes, fiz música com a fisionomia das pessoas, brinquei com a música, destruí, reconstruí e compus para shows de Slides.

Não me esqueço dos aplausos estonteantes quando comecei a repetir integralmente o que um garoto acabara de tocar, e construí uma música em cima disto. Compararam-me à Sibelius.

Quero agradecer imensamente à todos os meus amigos que estavam no show, casa bastante cheia, por sinal, acho que quem viu, assistiu um espetáculo muuuito diferente da música linear e convencional que se tem feito até então, e à aquilo que eu chamo de verdadeira ARTE. O trabalho de experimentação e o nível usado com a utilização de sintetizadores e a voz, eu nunca havia feito em nenhum show meu, e pude desenvolver linhas de composição que derivam de John Cage, Keith Jarrett, e os neo-clássicos.

Obrigado por me brindarem com sua presença, e por tornarem esse show uma obra de arte completa de 60 minutos, em que fizemos juntos, Artista E PLATÉIA, uma obra em que todos nós presentes contruímos música de verdade!

Estou Feliz por todos ficarem Felizes!

Dia 23/02 vejam novamente no BNB.
Mas será sempre OUTRO SHOW.

Um grande abraço,

Dihelson Mendonça

.

10 fevereiro 2007

HOJE À NOITE - Show: DIHELSON MENDONÇA no BNB !! Não Percam !!



Olá, Pessoal,


"Convidar pessoas da platéia para sentar-se numa cadeira e baseado em suas feições e sentimentos, criar música instantânea para retratar aquelas pessoas. Compor para diversos sintetizadores, cerca de 60 minutos de músicas baseadas em imagens projetadas numa tela sobre diversos temas. Assim é o espetáculo "A Música do Acaso e a Arte da Improvisação", show que foi escolhido pelo Centro Cultural Banco do Nordeste para ser apresentado em duas datas neste mês de fevereiro, dia 10 e dia 23, pelo pianista e Compositor cratense Dihelson Mendonça. O show, que será um trabalho experimental e de caráter futurístico, será um misto de música e belas sequências de imagens cuidadosamente escolhidas, para deleite da platéia. Quem for, não se arrependerá..."

Local: Centro Cultural BNB - Juazeiro

Datas: 10/02/2007 e 23/02/2007

09 fevereiro 2007

Forró Pé de Serra



DICA

Nesta sexta-feira dia 9/2

Grande Forró Pé de Serra !

A partir das 23h

No Flor de Piqui em Crato

Com Vicente Neto e o Grupo Beloxote do distrito de Belmonte!

BlogPoem



Bem no Fundo
No fundo, no fundo,
bem lá no fundo,
a gente gostaria de ver nossos problemas
resolvidos por decreto

a partir desta data,
aquela mágoa sem remédio
é considerada nula
e sobre ela — silêncio perpétuo

extinto por lei todo o remorso,
maldito seja que olhas pra trás,
lá pra trás não há nada,
e nada mais

mas problemas não se resolvem,
problemas têm família grande,
e aos domingos saem todos a passear
o problema, sua senhora
e outros pequenos probleminhas.

paulo leminsky

08 fevereiro 2007

Por que a amnésia do Crato?

Construídos monumentos para o Padre Antônio Vieira e José Clementino

Consoante informações do Prof. Indalécio de Freitas, já estão concluídos os monumentos que eternizarão a memória de dois ilustres filhos do município de Várzea Alegre: Padre Antonio Vieira e o compositor José Clementino. As estátuas serão localizadas na entrada e saída daquela cidade.

Uma curiosidade: A estátua de Padre Antônio Vieira reproduz o sacerdote montado num jumento, resgatando também o mais conhecido livro de autoria dele: “O Jumento, Nosso Irmão” escrito em 1964. Por outro lado, segundo o Prof. Indalécio de Freitas, a população de Várzea Alegre deseja transferir para aquela cidade o acervo doado pelo Padre Vieira à Fundação que leva seu nome. O acervo permanece na cidade de Fortaleza. Existe um projeto para a instalação do Memorial Padre Antônio Vieira, destinado a preservar objetos pessoais e a extensa obra literária do conhecido sacerdote caririense.
Para saber quem foram Padre Antônio Vieira e José Clementino clique aqui

Fonte: Assessoria de Comunicação
Universidade Regional do Cariri

Padre Antônio Batista Vieira

Nascido na Serra dos Cavalos, no Município de Várzea Alegre, no dia 14 de junho de 1919, Padre Vieira era filho de pais pobres que viviam no campo, dali extraindo o sustento da prole que se multiplicava. Padre Vieira conheceu na infância todas as limitações e privações peculiares à situação de absoluta pobreza, sendo obrigado a acompanhar os pais nas atividades agrícolas. O resultado dessa vivência, manifestado no contato com a terra sofrida, é traduzido na marca profundamente humana e sertanista dos seus escritos. Sua prosa revela contrastes admiráveis, quando o homem, refeito das adversidades do meio, reanima-se, poetiza e ri.
No sertão, ainda menino, o Padre Antônio Vieira freqüentou escolas de palmatória e sabatina, de onde rumou para o Seminário São José de Crato, a fim de cumprir uma velha aspiração dos
seus pais, que pretendiam transformá-lo num sacerdote. Sete anos depois, mudou-se para o Seminário de Fortaleza, onde concluiu Filosofia e Teologia.
Ordenou-se em 1942, no Seminário do Crato, ali ficando até o ano de 1953. Em 1964, Padre Vieira cursou Administração de Empresas na Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos. Dois anos mais tarde, candidatou-se a Deputado Federal, sem nenhuma experiência política. Apesar de ter sido eleito, exerceu apenas a metade do referido mandato, sendo cassado pelo Regime Militar que então vigorava no Brasil..
A morte do Padre Vieira, ocorrida no dia 19 de abril de 2003, veio despertar nos varzealegrenses o desejo de terem, nesse município, um museu, onde se possa preservar não só a obra de Padre Vieira, mas também o legado deixado por outros ícones da nossa cultura.

Compositor José Clementino

Um dos mais vigorosos músicos nordestinos, o varzealegrense José Clementino do Nascimento Sobrinho é o autor de autênticos clássicos da música nordestina, tendo sido interpretado por alguns dos grandes nomes da Música Popular Brasileira, dentre os quais o ‘Rei do Baião’ Luiz Gonzaga.
Com o ‘Velho Lua’, o talento de Zé Clementino ganharia destaque nacional, ao passo que, por outro lado, a inventiva produção artística do compositor varzealegrense proporcionaria vitalidade e renovação à obra musical de Luiz Gonzaga.

Onde andará Stephen Fry ?


O blog do Crato preocupou-se ,nestes dias, com o desaparecimento do nosso grande colunista-cineastra-colaborador Glauco Vieira, das nossas conversas e papos habituais. O Dihelson contratou um Detetive Particular e, finalmente, conseguimos localizar nosso companheiro e está justificado, definitivamente, seu absenteímso neste blog. Casou e está residindo agora lá prás bandas do Grangeiro na casa que se vê aí fotografada por nosso detetive Raimundim da Singer. Em breve, feliz e recuperado, estará de volta às outras batalhas do dia-adia.

07 fevereiro 2007

CRATO HOJE À NOITE !

Olá, gente,

Essas são fotos tiradas agora há pouco:

Centro - Lanchonete Cinelândia:



E aqui está outro monumento da cidade, encostado à parede da lanchonete Cinelândia: O Jornalista J. Lindemberg de Aquino:




Abraços.

.

06 fevereiro 2007

Seu Tel. celular possui câmera? Torne-se um Repórter!

Olá, Amigos,

Estou convocando todo mundo que possui um celular com câmera, para que possa tirar fotos da cidade, de coisas interessantes, ou filmagens. Torne-se um reporter do Blog do crato e do Portal do Crato! s melhores reportagens, entrevistas, nós publicaremos.

Um grande abraço,

Dihelson Mendonça

www.portaldocrato.com




Foto da Av. Dr. João Pessoa ( semana passada ) - Dihelson Mendonça Arquivo.

Baile Municipal de Crato - Carnaval da Saudade


Por falar em Carnaval teremos, no próximo sábado, o II Carnaval da Saudade que acontecerá no Crato Tênis Clube. No ano passado foi sensacional, até porque reacendeu a chama dos velhos carnavais cratenses, aqueles onde a gente gritava ao invés de "Viva Zé Pereira", Viva Zé Maia ! Reacendeu-se, também, um pouco aquela nossa típica irreverência , quando se entoará, novamente, a velha marcha do nosso Abidoral Jamacaru ( o velho): " Onde é que as muié dos piqui taõ?" Precisam trazer, também, de volta , dois frevos sensacionais do Abidoral (novo) : "Viva Zé Maia" e "Só Lembrança do Carnaval que passou". O Kaika é quem está na produção da festa e ele nos enviou esta convocação:

PARA QUEM GOSTA DE FOLIA, OLHA A DICA DO KAÍKA...O ano passado foi o maior sucesso. Quem não foi se arrependeu que só. Esse ano, tenho certeza que você vai fazer tudo pra ir.
É o II Carnaval da Saudade do Crato Tênis Clube. Vamos viver e revivermomentos de muita alegria, descontração e emoção. Vamos abraçar osamigos, namorar, paquerar, beijar na boca e terminar a folia descendo do Crato Tênis Clube de manhãzinha até a praça Siqueira Campos. Eita como vai ser massa!
Aguardamos a sua presença.
Vai ser dia 10 de Fevereiro com a banda “Os Originais da Terra“.
Venda de mesas e ingressos no Crato Tênis Clube.A produção é da Sertão POP.Qualquer coisa, me dá um toque, ok?
Kaika Luiz

05 fevereiro 2007

Sessão de Arte no SESC/Crato


Exibição de Filmes de Arte

Todas as terças-feiras, às 18h30min, no Teatro do SESC Crato, com entrada franca.
Programação:

06/fev - Muito Além do Jardim
13/fev - Eclipse de Uma Paixão
27/fev - 8 Mulheres

Informações:
SESC Crato Setor Sóciocultural
Rua André Cartaxo, 443 - Bairro Cruz
Crato - CE.
Fone: 3523.4444

O Sertão Vai Virar Mar


Finalmente a chuva - Quae sera tamen ! Para comungar com os novos tempos segue um texto da peça "A Terrível Peleja de Zé de Matos..." , em que se faz uma louvação à transformação da natureza com o advento do inverno. A foto ilustrativa é do grande Pachelly JAmacaru.

De repente: A ressureição!
A água, o relâmpago, o trovão!
Os galhos nus, ressequidos , retorcidos
Que clamavam aos céus por chuva
Vestidos de negro como uma viúva
Mal caem os primeiros pingos de bonança,
Se cobrem do verde manto da esperança.
Da noite para o dia
a crua e transparente paisagem se maquia
Veste roupa de gala, se regala
Para a festa tantas vezes prometida,projetada
E outras tantas adiada
Os sapos que natureza estranha!
Surgem por geração espontânea
E com um coachar repetitivo, grave , profundo
Como um verdadeiro mantra : povoam o mundo.
As formigas antes presas à sequidão de suas casas
Tornam-se aladas, criam asas
E já não suportam carregar a eterna cruz
Queimam-se e banham-se de luz
As tanajuras como Carlas Perez
Desfilam sexys , exuberantes ,com nobreza
Segurando todo tchan da natureza
E o os homens de pele e astral cinza
Que com a paisagem se mimetizam
De verde se matizam
As almas primaveram e invernam
A natureza se faz una e rediviva
Como uma fênix viva
De canto multiforme e estrelar
É que o Sertão já virou mar !

Crônica de uma Vila Assassinada



Pois é, amigos, o Crato não tem jeito mesmo. Não bastasse a destruição de quase todo nosso patrimônio histórico: A Casa de Bárbara, o antigo Senado, o Casarão de Dr. Rolim, o antigo Clube Cariri, toda a Miguel Limaverde( obra de destruição assinada pela primeira administração Walter Peixoto), agora assassina-se mais um pouco do que restou. Ineteressante é que o Crato teima em viver de passado, mas não tem qualquer pejo em desmoroná-lo. Desta vez desfigurou-se o prédio lindíssimo do antigo "Bar Ideal" , ali na Santos Dumont. O prédio é dos anos 20 e até pouco meses atrás estava exatamente como se vê na foto à esquerda e lá funcionava uma academia de ginástica. Agora destruíram toda a fachada antigo e lá se instalou uma Igreja, como se vê na foto à direita. Nada contra qualquer Igreja, mas não se pode esquecer que um Bar é um ambiente sagrado, um templo dedicado a Baco e Dionísio. Este então funcionou como Bar e Clube desde o primeiro quartel do Século XX. A culpa de tudo é de nós mesmos que não pressionamos nossos governantes para que se tenha uma política mínima de Conservação do Patrimônio Histórico. É que quando se diz que é preciso tombar os prédios, eles entendem ao pé da letra e mandam derrubar tudo...

Semana nova, PORTAL DO CRATO novo!

Informamos que o PORTAL DO CRATO foi atualizado, com outras crônicas, notícias, imagens, vídeos, etc...
Visite agora mesmo. O Crato na Internet:

www.portaldocrato.com




Abraços, e Boa semana!

02 fevereiro 2007

Carnaval em Olinda !


Quem deseja brincar o único Carnaval brasileiro que ainda mantém a essência anarquista do Entrudo, só tem uma opção: Olinda & Recife ! Aí é juntar os confetes e a serpentina, criar uma fantasia ( ou não como diria Caetano) , com os mais simples cacarecos disponíveis e partir de lança em mão ( a lança , se a fantasia for de índio) e seja o que Deus quiser ! Para facilitar aí vai a programação ( impossível de ser cumprida a rigor, já que é Carnaval) . Este ano então comemora-se os 100 Anos do Frevo e ninguém pode faltar ao aniversário.

PROGRAMAÇÃO CARNAVAL MULTICULTURAL DO RECIFE 2007
A partir do dia 12 de fevereiro, início da semana pré-carnavalesca, aPrefeitura do Recife coloca o bloco na rua e dá início à programação doCarnaval Multicultural do Recife 2007. Este ano, a folia de Momo faz umagrande comemoração ao Frevo que completa seus 100 anos. Durante todos osdias do Carnaval, o ritmo que é a cara do povo será reverenciado porvários artistas e agremiações carnavalescas, em mais de 40 pólos de folia.O Carnaval Multicultural do Recife continua se espalhando por todos oscantos da cidade, levando a resistência e a força da tradição e da culturapopular a 16 pólos oficiais e mais 28 comunitários, que recebem todo oapoio necessário da Prefeitura. Oito pólos estão localizados no centro:Recife Multicultural (Marco Zero), das Fantasias e Carnaval Infantil (Praça do Arsenal), Pólo Mangue (Cais da Alfândega), de Todos os Frevos(Av. Guararapes), das Agremiações (que este ano migra da Av. DantasBarreto para a Av. Nossa Senhora do Carmo), de Todos os Ritmos, Pátio deSão Pedro, Afro (Pátio do Terço), das Tradições. Outros oitos estãoespalhados em bairros distintos, por Região Político-Administrativa (RPA):Chão de Estrelas, Casa Amarela, Nova Descoberta, Alto José do Pinho,Jardim São Paulo, Santo Amaro, Várzea e Ibura. A programação é composta em 90% por atrações pernambucanas: agremiaçõescarnavalescas, orquestras de frevo e nomes como Lenine, Silvério Pessoa,Alceu Valença, Antônio Nóbrega, Lia de Itamaracá, Selma do Coco, CocoRaízes de Arcoverde, Cordel do Fogo Encantado, Eddie, Mundo Livre, Ortinho, Otto, Edy Carlos, Claudionor Germano, Spok Frevo Orquestra, Geraldo Maia, Belo Xis, Ramos Silva, Alcimar monteiro, Andé Rio, NandoCordel, Veio Mangaba, Mestre Salustiano e muitas outras. Como de costume,a cidade traz convidados de fora do estado para uma interação com oCarnaval recifense. São eles: Maria Bethânia, Gal Costa, Chico César,Paulinho Moska, Thalma de Freitas, Pitty, Fundo de Quintal, Monobloco,Zeca Baleiro, Elba Ramalho, Negra Li, Zélia Duncan, Marcelo D2, Tom Zé eIsca e Polícia.
PÓLO RECIFE MULTICULTURAL (Marco Zero - Recife Antigo) No seu palco, apresentam-se importantes nomes do carnaval pernambucano eartistas nacionais convidados, num grande encontro da diversidade culturalbrasileira. Aqui também acontece a abertura oficial da festa com NanáVaconcelos comandando 500 batuqueiros de 13 Nações de Maracatu que virãoem cortejo da Rua da Moeda até o Marco Zero, no dia 16 de fevereiro. Esteano fazendo uma grande homenagem ao frevo com participação de blocoslíricos, Maria Bethânia, Claudionor Germano e Orquestra Popular da Bombado Hemetério. Clássicos como Voltei Recife, de Luis Bandeira, Recife Manhãde Sol, música de J. Michiles e Madeira que Cupim não Rói, de Capiba,estarão no repertório. Neste pólo, acontecerão também os Encontros deMaracatus de Baque Solto, no dia 18, e de Blocos de Pau e Corda, no dia19. No sábado de Zé Pereira, a Orquestra do Maestro Nunes, um dos homenageados, abrirá a festa. O palco deste pólo também abrigará durante toda a programação grandesencontros: da Orquestra Popular do Recife, regida pelo maestro Ademir Araújo com Geraldo Maia, Rosana Simpson, Alex Mono e Edy Carlos; de Silvério Pessoa, China e Spok formando o projeto La Ursa Elétrica comparticipações especiais de Chico César, Paulinho Moska e Elba Ramalho; daNação Zumbi com Lia de Itamaracá, Thalma de Freitas e Pitty; de Lenine comMarcelo D2 e Arnaldo Antunes, da Spok Frevo Orquestra com Gal Costa; deAlceu Valença com Zeca Baleiro. Na segunda tem a tradicional Noite do Samba reunindo nomes como Belo Xis,Ramos Silva, Nega do Babado, Fundo de Quintal e Monobloco. E na terça-feira acontece a Apoteose com a Orquestra Multicultural do Reciferegida pelo maestro Spok e participações especiais dos maestros AdemirAraújo, Clóvis Pereira, Duda, Edson Rodrigues, Geraldo Santos, JoséMenezes, Nunes, Forró, Fábio Cesar e Léo Gandelman, além dos cantoresAntônio Nóbrega, Claudionor Germano, Lenine, Elba Ramalho, Alceu Valença,Silvério Pessoa, Gal Costa e do Coral Edgard Moraes.
PÓLO DAS FANTASIAS E CARNAVAL INFANTIL (Praça do Arsenal - Recife Antigo) Pertinho do Marco Zero, na Praça do Arsenal, o Pólo das Fantasias reviveos carnavais dos pierrôs, colombinas e desfiles de agremiações. Ascrianças também são prestigiadas. No Pólo das Fantasias, bailarinas,super-heróis, fadinhas e palhacinhos aprendem desde cedo a valorizar suacultura. Pais e filhos se divertem juntos com tranqüilidade. Passarão pelopalco da Praça do Arsenal nomes como Antúlio Madureira, Getúlio Cavalcanti, Coral Edgard Moraes, Samba de Latada, Expedito Baracho e Geraldo Azevedo.
PÓLO MANGUE (Cais da Alfândega - Recife Antigo) Vanguarda. Essa é a característica do Pólo Mangue, onde os jovens da cenaalternativa da cidade e dos mais diferentes lugares do Brasil e do mundose encontram. Na semana pré, realiza-se o Festival PRE-AMP. Durante oCarnaval, tem a Tenda Eletrônica Manguetown, o famoso Festival Rec Beat,que mistura sons regionais e rock e os desfiles do Manguefashion, este anohomenageando Chico Science. O evento continua firme no seu conceito de trazer novidades, novas tendências e também referências históricas da música brasileira. Nessesentido, já podemos confirmar nomes como Tom Zé e Isca de Polícia comoatrações que trazem referências históricas: o primeiro, da Tropicália; e osegundo, banda do saudoso Itamar Assumpção, da Vanguarda Paulista dos anos80. Entre as novidades, as pernambucanas: Rivotrill e Digital Groove e amatogrossense Vanguart. Teremos ainda a irreverência do bloco QuantaLadeira, que continua no Festival na tarde de domingo e também o RecBitinho (voltado para o público infantil), na tarde de segunda-feira.Todas as atrações do Festival serão convidadas a incluir um frevopernambucano em suas apresentações. Neste ano também será feita umacampanha para que o público vá ao Festival Rec-Beat fantasiado, valorizando o clima carnavalesco. Para estimular, serão distribuídosbrindes aos foliões com as melhores fantasias.
PÓLO DE TODOS OS FREVOS (Av. Guararapes - Bairro de Santo Antônio) O Pólo de Todos os Frevos homenageia o autêntico frevo pernambucano. PelaAvenida Guararapes, passam as Freviocas, blocos, troças, clubes de frevo eo Galo da Madrugada, a maior agremiação carnavalesca mundo, com mais de ummilhão e meio de foliões, registrado no Guiness Book. Este ano a Prefeitura do Recife investe numa programação diversificada, com enfoqueno frevo. Por lá passarão nomes como Spok Frevo Orquestra, GustavoTravassos, Alceu Valença, André Rio, Elba Ramalho, Marrom Brasileiro e EdyCarlos.
PÓLO DAS AGREMIAÇÕES (Av. Nossa Senhora do Carmo - Bairro de São José) No Pólo das Agremiações, o Carnaval Multicultural tem torcida organizada.É o momento dos grandes desfiles de bois e troças, clubes de frevo ebonecos, blocos de pau e corda, tribos de índios e as escolas de samba.Quem vai às arquibancadas montadas na Avenida Nossa Senhora do Carmo nãosó brinca como se emociona com a cultura , beleza e a riqueza dos ritmospernambucanos. Este ano, a Prefeitura do Recife aumentou em 210% o incentivo que dá às agremiações para que desfilem com mais estrutura alémde fortelecer a cadeia produtiva do carnaval beneficiando não só aquelesque desfilam mas todos os envolvidos, desde a costureira ao motorista doônibus que leva às agremiações ao locais de apresentação.
PÓLO DE TODOS OS RITMOS (Pátio de São Pedro - Bairro de São José) A multiculturalidade do Recife é celebrada no Pólo de Todos os Ritmospelas mais variadas classes sociais e faixas etárias. Num dos lugares maisbelos e aconchegantes da cidade, abençoada pela Igreja de São Pedro dosClérigos, pode-se dançar coco, afoxé, ciranda, manguebeat e maracatu,samba com as escolas de samba, frevar ao som de orquestras e assistir aosdesfiles de ursos e bois do Carnaval Multicultural do Recife. Pelo palcomontado neste pólos passarão projeto Cordas para o Frevo, com Beto doBandolim e Kelly Rosa, além do Coral Edgard Moraes, Lucinha Guerra, Charles Theony, Adriana Bebê, Coco Raízes de Arcoverde, Carolina Pinheiroe Mariana Moraes, Zé Renato e Choro Brasil.
PÓLO AFRO (Pátio do Terço - Bairro de São José) A cultura negra tem um pólo especial tamanha a sua riqueza. O Pólo Afrorecebe afoxé, maracatus, inclusive mirins, blocos afros, bateriais deescolas de samba e shows de reggae. Aqui acontece a famosa Cerimônia daNoite dos Tambores Silenciosos que atrai inúmeros turistas e admiradoresda cultura afro e também a Noite do Reggae.
PÓLO DAS TRADIÇÕES (Pátio de Santa Cruz - Boa Vista) Esse pólo mostra ao grande público as tradicionais agremiaçõescarnavalescas do bairro da Boa Vista e adjacências, além de shows artísticos apresentando o mais autêntico carnaval pernambucano. Aqui, noDomingo de Carnaval, acontece a grandiosa e animada Manhã de Sol no popular Mercado da Boa Vista. PÓLOS DESCENTRALIZADOS Para o Carnaval Multicultural do Recife não existem barreiras de classe,raça, crença ou distância. A festa é levada a toda a cidade através depólos descentralizados. Os bairros de Santo Amaro, Chão de Estrelas, CasaAmarela, Nova Descoberta, Alto José do Pinho, Várzea, Jardim São Paulo eIbura recebem a folia com excelente infra-estrutura e grandes atraçõeslocais e nacionais. A Prefeitura do Recife investe também em atrações nacionais para esses pólos como Zélia Duncan, Marcelo D2, Negra Li, ZecaBaleiro e Fundo de Quintal.

O CRATO HOJE ! - Retratos de uma cidade!

Tarde no Crato - Calor Insuportável. - Foto tirada da Vila Alta:



Depois, na esquina da Praça Siqueira Campos ( pelo outro lado )




cadê a galera ?
Vamos escrevendo aí....

Falow!

Visitem o PORTAL DO CRATO

01 fevereiro 2007

Terremoto no Ceará .....ahahahahah



Terremoto no Ceará.

Depois dos terremotos ocorridos na Ásia, o Governo Brasileiro resolveu instalar um sistema de medição e controle de abalos sísmicos, que cobre todo o país. O então recém-criado Centro Sísmico Nacional, poucos dias após entrar em funcionamento, já detectou que haveria um grande terremoto no Nordeste do país. Assim, enviou um telegrama à delegacia de polícia de Icó, uma cidadezinha no interior do Estado do Ceará.

Dizia a mensagem: "Urgente. Possível movimento sísmico na zona. Muito perigoso. Superior Richter 7. Epicentro a 3km da cidade. Tomem medidas e informem resultados com urgência."

Somente uma semana depois, o Centro Sísmico recebeu um telegrama que dizia: "Aqui é da Polícia de Icó. Movimento sísmico totalmente desarticulado. Richter tentou se evadir, mas foi abatido a tiros. Desativamos as zonas. Todas as putas estão presas. Epicentro, Epifânio , Epicleison e os outros cinco irmãos estão detidos. Não respondemos antes porque houve um terremoto da porra aqui."

( ahahahahahahahah )
Abraços.

Visitem o PORTAL DO CRATO...

www.portaldocrato.com